Logo E-Commerce Brasil

YouTube foi a plataforma de vídeo online mais assistida no Brasil em 2023, aponta Kantar Ibope

Por: Amanda Lucio

Jornalista e Repórter do E-Commerce Brasil

Formada na Unifesp, é pesquisadora em História Social e está sempre de olho nas tendências do mercado.

A plataforma de vídeo online mais assistida no Brasil durante 2023 foi o YouTube. Pelo menos é o que revelaram os dados divulgados mensalmente da Kantar Ibope Media sobre a audiência de vídeo no Brasil. O alcance do YouTube de janeiro a dezembro do ano passado ficou a frente de outras plataformas como Netflix, Globoplay e Amazon Prime Video, revelando que a plataforma foi a mais consumida em qualquer tipo de dispositivo ou TVs conectadas.

Youtube
(Imagem: Divulgação)

As plataformas de vídeo online foram sintonizadas em 26% dos aparelhos, sendo que só o YouTube ficou com 16,1% dessa parcela. O número é maior do que os demais serviços de vídeo online juntos, já que somados, os dez ficaram com apenas 11% do share de audiência. Além disso, o YouTube também registrou em 2023 quase o dobro da audiência da TV paga, ficando atrás apenas da TV aberta.

x;height:auto" srcset="https://static.ecommercebrasil.com.br/wp-content/uploads/2024/02/88-Untitled.png.webp 2048w, https://static.ecommercebrasil.com.br/wp-content/uploads/2024/02/88-Untitled-768x427.png 768w, https://static.ecommercebrasil.com.br/wp-content/uploads/2024/02/88-Untitled-1536x854.png 1536w" sizes="(max-width: 2048px) 100vw, 2048px" />
(Imagem: Kantar Ibope Media/Divulgação)

A previsão é que esse número aumente ainda mais, uma vez que mais pessoas têm assistido seus conteúdos favoritos na TV Conectada. Conforme o dado recentemente divulgado pelo próprio YouTube, os espectadores do mundo todo agora assistem, uma média de mais de 1 bilhão de horas de conteúdo em suas televisões diariamente. O que desperta nos criadores a necessidade de otimizarem seus conteúdos para a TV, registrando um aumento de mais de 400% do tempo de visualização no dispositivo.

O resultado não se limita apenas ao Brasil, pois segundo divulgado pela Nielsen, durante um ano inteiro, o YouTube também é a principal plataforma de vídeos nos Estados Unidos. O que significa que, durante doze meses, as pessoas têm o escolhido constantemente para assistir os vídeos dos seus criadores, artistas e parceiros de mídia favoritos.