Logo E-Commerce Brasil

TikTok Shop cresce nos Estados Unidos e ganha espaço como e-commerce

Por: Júlia Rondinelli

Editora-chefe da redação do E-Commerce Brasil

Editora-chefe da redação do E-Commerce Brasil

Não é surpresa para ninguém que o TikTok é uma verdadeira sensação entre públicos de diversas idades. Além da febre dos vídeos curtos e virais, é possível encontrar no aplicativo uma infinidade de temas, formatos e nichos para mergulhar em conteúdos cada vez mais personalizados e dinâmicos.

TikTok ganha espaço entre usuários de diversas gerações, sobretudo a Z

Por causa disso, de alguns anos para cá, a plataforma vem crescendo cada vez mais e ganhando espaço não só entre as redes sociais, mas também entre corporações diversas de tecnologia e varejo.

E-commerce e rede social

Há quatro meses, o TikTok aplica a funcionalidade shop para os lojistas norte-americanos, custeando o frete e cobrindo descontos de outros vendedores.

De acordo com o Data.ai, os usuários do TikTok nos Estados Unidos passam em média 33 horas por mês no aplicativo. Essa oportunidade de visibilidade combinada aos 150 milhões de usuários da plataforma em solo norte-americano gera um ambiente perfeito para vendas e engajamento.

De acordo com a Insider Intelligence, cada vez mais consumidores usam o TikTok como uma forma de procurar inspiração para suas compras. Encontrá-las já na plataforma é um bônus.

Além das inspirações, vendas e publicidade, a plataforma ainda ajuda produtores de conteúdo a monetizarem através de lives e tendências virais.

Dados e preocupações governamentais

Por ser uma empresa chinesa, propriedade da gigante de tecnologia ByteDance, existe uma preocupação real em coleta e compartilhamento de dados. O TikTok, no entanto, afirma que não há qualquer irregularidade nas informações usadas.

Estimativas da Data.ia mostram que a plataforma se aproxima dos 200 mil downloads mensais nos EUA.

Por outro lado, muitas empresas passaram a apostar na plataforma como uma forma de venda, mas também divulgação, uma vez que o algoritmo favorece o engajamento. Empresas grandes, como a Modelez International e a Benefit Cosmetics já investem em divulgação em vídeo específica para o TikTok.

Em novembro deste ano, Felipe Tufiño, Gerente de Parcerias de Negócios do TikTok, falou no Congresso E-Commerce Brasil RS sobre a oportunidade que a ferramenta oferece aos lojistas em ouvir a comunidade e criar conteúdos relevantes.

Outro destaque do executivo foi a atenção que as marcas devem dar à descoberta de tendências e movimentos geracionais que circulam pela rede.

Concorrência

Já há algum tempo, a concorrência internacional vem se preocupando com o TikTok e a forma como ele coleta usuários velozmente. A estratégia de comércio da plataforma é chamada de “Projeto S” e mira competir com a Shein, a Amazon e até mesmo a Temu.