Redação E-Commerce Brasil

Jornada do consumidor não é mais linear e tem diversos pontos de contato, explica executiva do Google

Terça-feira, 09 de novembro de 2021   Tempo de leitura: 4 minutos

Juliana Horta, Executiva de Contas do Google, participou do Congresso E-Commerce Brasil Santa Catarina 2021 para falar sobre as jornadas de compra de moda e acessórios durante a pandemia.

Os últimos tempos foram conturbados. Muito mudou desde 2020 por causa da pandemia, inclusive as buscas no Google.

Como o comportamento do consumidor e a interação da marca com eles mudaram desde março de 2020?

Hoje o consumidor está muito mais aberto às novidades digitais, inclusive no que diz respeito às experiências de compra.

Além de estarem mais digital, os consumidores estão mais engajados e mais exigentes também. O processo de compra passou a ser menos linear.

O cliente hoje é exposto a diversos pontos de contato que podem impactar de formas diversas as possibilidades de compra e experiência.

Todos os canais, tanto online, quanto offline, estão conectados e fazem parte de forma intrínseca do processo de decisão de compra.

Além disso, os consumidores desejam continuar comprando online e fazendo suas pesquisas no ambiente digital antes de se decidirem, independente de onde a compra será realizada.

Informações são um ponto de diferenciação também na hora de decidir se compram ou não: o acesso aos dados completos sobre os produtos, sobretudo de moda e beleza, podem fazer toda a diferença para a conversão.

A busca no Google é o principal canal de descoberta para ⅓ dos shoppers. “Hoje o consumidor está muito mais aberto às experiências e o conteúdo é um forte aval para criarmos essa conexão com os consumidores”, explicou a executiva.

Do ponto de vista de pesquisas no Google, hoje existem diversas palavras-chave que orientam as dúvidas, desde perguntas mais abertas até termos específicos para o tipo de compra.

A jornada da busca

  • Inspiração: buscas mais abrangentes e genéricas, relacionadas ao estilo e tendências;
  • Atender necessidades: para tipos específicos de ocasião, como vestidos de festa ou decoração para o Natal;
  • Locais de compra: onde encontrar demanda ou produto específico, restaurantes, lojas etc;
  • Formas de uso: algo mais explicativo, passo a passo, tutorial.
  • Recomendações e reviews: dicas, o que é melhor, mais fácil, lançamentos, novidades.

A executiva explicou que em 2021 houve crescimento das buscas por inspiração, encontrar produtos e marcas e encontrar melhor lugar de compra e serviço.

É interessante ver que para encontrar melhor lugar para compra e serviço é superior em 2020, ano em que muitas pessoas ainda tinham dúvidas se os estabelecimentos estariam abertos ou não.

As pessoas fazem buscas no Google, mas também em outros lugares, que são os pontos de contato do consumidor com as marcas, como as redes sociais ou o YouTube.

Inspiração, por exemplo, é muito forte nas redes sociais. O passo seguinte é buscar no Google os produtos e locais de vendas depois de decidir quais são os produtos que serão comprados.

Em um terceiro momento, o ponto de contato de dicas e tutoriais é bastante relevante no YouTube, onde as pessoas encontram reviews e formas mais específicas de uso.

“Estejam presentes em todos esses momentos”, explica a executiva, pois todos os pontos de contato estão conectados de alguma forma.

Interesses

Houve um pico de crescimento das buscas por moda e beleza a partir de março de 2020.

Em junho, julho e agosto de 2020, houve um aumento de pesquisas e gastos com casa e decoração, fazendo com que o crescimento em comparação de 2021 ficasse negativo, mas há continuidade nos gastos dos brasileiros.

Vestuário tem uma influência forte relacionada à sazonalidade, mas é perceptível um aumento de busca do momento específico dos brasileiros: aumento de buscas por calçados e roupas formais, além de buscas por bolsas e mochilas, tanto para as pessoas que estão voltando ao trabalho quanto para a escola.

Com relação à casa, percebe-se um aumento na procura por decoração. Já beleza, destacam-se os perfumes e os produtos de beleza relacionados aos cuidados (com os lábios, cabelo, pele etc).

A Conferência E-Commerce Brasil Santa Catarina 2021 acontece nos dias 09 e 10 de novembro. Acompanhe o evento conosco online ou a cobertura pelo portal.

Por Júlia Rondinelli, da redação do E-Commerce Brasil. 

Leia também: Rodrigo Nasser explica o que podemos esperar para o e-commerce em 2022.

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER