Redação E-Commerce Brasil

Shoppings centers brasileiros passarão a vender pela Amazon

Terça-feira, 02 de junho de 2020   Tempo de leitura: 4 minutos

De acordo com apuração da Folha de S. Paulo, alguns shoppings centers vão manter as medidas alternativas de venda e entrega de produtos mesmo com a flexibilização da quarentena no Brasil.

Com os avanços restritos da circulação de pessoas, shoppings como o Eldorado, em São Paulo, e o Nova América, no Rio de Janeiro, estão em um processo de levar suas lojas físicas para dentro da Amazon. A medida de vender online é acompanhada pela manutenção do sistema de delivery e drive-thru já em andamento em diversos estabelecimentos.

Parceria com a Amazon

A parceria dos shoppings centers com a Amazon passou a valer a partir de ontem, segunda-feira (01 de junho), dia que marcou a reabertura gradual de alguns estabelecimentos em alguns municípios do Rio de Janeiro e de São Paulo.

Ademais às alternativas de comércio eletrônico e entrega remota, as lojas estão operando em horário reduzido e permitindo menos pessoas dentro de suas dependências.

Segundo Diego Marcondes, diretor de marketing da Ancar Ivanhoe, administradora dos shoppings que já fazem parte da parceria, o objetivo é ter páginas de todos os centros comerciais do grupo na Amazon até o fim do ano. Dessa forma, a empresa está investindo não só na segurança dos funcionários e consumidores, como na digitalização das marcas que vendem nos shoppings.

“Com a estratégia de levar os shoppings para a plataforma de marketplace, geramos curadoria para os lojistas e expandimos a disponibilidade dos shoppings para um âmbito nacional”, ele explica.

Leia também: Amazon expande uso de benefícios para compras online nos EUA.

Retire Aqui

Além de vender na Amazon, Marcondes diz que o uso de armários digitais também faz parte das medidas de incentivo às vendas. Serviços como o “Retire Aqui”, no qual as lojas deixam as compras dos consumidores em armários fora do estabelecimento, funcionará como parte do drive-thru.

Para evitar aglomerações, o consumidor fará a compra online e combinará com a loja um horário disponível para retirada, que é feita com um QR Code.

Shoppings participantes

Os armários estarão nos shoppings Nova América, Boulevard, Botafogo Praia, Madureira, Nova Iguaçu e Rio Design Barra, no Rio de Janeiro. Já em São Paulo, estarão nos shoppings Pátio Paulista, Eldorado, Itaquera, Golden Square, Parque das Bandeiras e CenterVale.

No Nordeste, a ação ocorre em Fortaleza (North Shopping Fortaleza, North Shopping Jóquei, Via Sul) e Natal (Natal Shopping). O Conjunto Nacional, em Brasília, o Pantanal Shopping, em Cuiabá e o Porto Velho Shopping, em Rondônia, também receberão os armários.

Digitalização dos shoppings centers brasileiros

De acordo com a Fecomercio de São Paulo, a expectativa para circulação em lojas físicas na cidade é de queda em 50% com relação ao período pré-coronavírus. Em compensação, o presidente da Ancar Ivanhoe, Evandro Ferrer, acredita que 50% dos consumidores continuarão comprando online após a pandemia. Para ele “os shoppings e o varejo como um todo precisaram acelerar a digitalização”.

Leia também: “O varejo não vai acabar do dia pra noite”: transformação digital e importância da experiência.

Deixe seu comentário

2 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  1. Um shopping poderia fazer muito melhor com aprox 1/3 do valor gasto com a Amazon ao final de um ano.
    Poderia investir na própria transformação digital, reforçando sua imagem institucional junto aos lojistas, ampliando vendas dos mesmos e ainda lucrando com a venda de espaços virtuais.
    Tudo isso implantado em apenas 15 de integração!!. Eu disse 1/3 do valor!!!
    À disposição no email informado.

    Responder

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.