Logo E-Commerce Brasil

Erros com omnichannel podem atrapalhar os negócios

Por: Júlia Rondinelli

Editora-chefe da redação do E-Commerce Brasil

Jornalista formada pela Faculdade Cásper Líbero e especialização em arte, literatura e filosofia pela PUC-RS. Atua no mercado de e-commerce desde 2018 com produção técnica de conteúdo e fomento à educação profissional do setor. Além do portal, é editora-chefe da revista E-Commerce Brasil.

Manter uma loja física no varejo é tão desafiador quanto expandir os negócios na internet e ganhar espaço. Buscar novos leads, disputar os melhores preços e ainda oferecer as boas condições de compra deixaram de ser vantagens e tornaram-se essenciais no dia-a-dia de um e-commerce.

Muitas ferramentas disponíveis ajudam a facilitar esses processos. Porém, é necessário estar atento às transformações e disposto a implementá-las. O omnichannel é uma estratégia que se mostra como uma solução para integrar os meios de vendas oferecendo boas soluções aos clientes.

O omnichannel para o consumidor e para a loja

“O consumidor também é omnichannel, e vai ganhar a venda quem for capaz de atendê-lo da maneira mais completa possível”, afirma Tiago Girelli, diretor da divisão corporativa da Tray Corp.

O omnichannel permite que o lojista integre os canais de atendimento, oferecendo uma experiência única aos clientes. A prática está mais comum entre os consumidores. Muitos escolhem o produto pelo site, experimentam na loja e fazem o pagamento pelo celular, optando em receber em casa ou não, retirar no exato momento, por isso, o omnichannel tornou-se uma necessidade. Porém, se não aplicá-lo da maneira correta, o retorno pode não ser o esperado.

“Muitas lojas possuem operação física e online, mas o atendimento e o preço dos produtos não são os mesmos. Para ser omnichannel todos os canais precisam carregar o mesmo discurso”, explica o diretor da divisão corporativa da Tray Corp.

Preparo dos canais, do suporte e dos vendedores

Fugir dos erros mais comuns também é uma estratégia eficaz para garantir boas vendas. É importante entender que estar presente em todos os canais utilizados pelo público-alvo não faz a empresa omnichannel. É preciso atender o cliente de acordo com cada ponto de contato e evitar desencontros que comprometam a experiência do usuário.

Como se sabe, o omnichannel oferece a opção ao consumidor de utilizar diversos canais para pesquisar, comprar e cadastrar informações sobre suas compras. No entanto, o suporte tecnológico da empresa deve estar adequado para atender o cliente, assim, é possível ter uma visão geral sobre todo o histórico do cliente com a marca oferecendo total integração entre as plataformas.

Um erro muito comum é deixar os vendedores despreparados. É necessário treinar a equipe para oferecer informações suficientes aos clientes para tirar qualquer dúvida a fim de garantir a melhor experiência de compra, seja na loja física ou no site.

Estratégia integrada ao offline

Tão importante quanto investir na plataforma online, é elaborar estratégias de offline. Não esqueça que a loja física também é muito procurada pelo cliente omnichannel. Então, saber posicionar os pontos de venda com uma comunicação integrada e sem ruídos pode fazer a diferença.

“O omnichannel é um desafio para qualquer lojista, porém, se for bem executado pode proporcionar bons resultados. Por isso, deve-se evitar os erros comuns que podem afetar a comunicação com o cliente, só assim para tornar a marca um diferencial”, conclui Tiago Girelli., Diretor da divisão corporativa da Tray Corp.

Leia também: Fuja dos gastos e use o Link Building para atrair tráfego para seu site.