Logo E-Commerce Brasil

E-commerce vende brinquedos com variação de até 251% no preço

Por: Lucas Kina

Jornalista e repórter do E-Commerce Brasil

Há uma divergência nos preços de ao menos 100 brinquedos em 13 e-commerces brasileiros. Com a chegada no Dia das Crianças, o Procon-RJ levantou uma variação de 251% nos valores destes produtos entre 25 de setembro e 2 de outubro. A fiscalização aponta o fato como forma de levar o comprador ao erro.

Dia das Crianças - e-commerce - brinquedos
(Imagem: Freepik)

Ao todo, três dos 13 sites foram notificados pelo órgão por irregularidade nos preços e tem 48 horas para mudá-los no e-commerce. Para compreender a discrepância no valor dos produtos, o Procon-RJ levou em consideração o brinquedo mais barato de cada tipo.

“Manteremos a vigilância no e-commerce. Durante a semana do Dia das Crianças, faremos fiscalizações em lojas que comercializam produtos para esse público. Queremos garantir a segurança dos consumidores e orientar os fornecedores quanto às boas práticas de consumo”, explica Cássio Coelho, presidente do Procon-RJ.

O levantamento aponta ainda que as variações mais significativas nos valores dos brinquedos foram de 251% em um jogo e 235% em um quebra-cabeça. A menor variação foi encontrada em um lançador com acessórios, que variou 12% em lojas diferentes.

Segundo a ABComm, para o Dia das Crianças do ano, o faturamento do e-commerce pode chegar a R$ 5,95 bilhões. O aumento em relação à data no ano passado é de 8%.