Logo E-Commerce Brasil

ClearSale registra R$5,8 bilhões em tentativas de fraudes no Brasil em 2022

Por: Giuliano Gonçalves

Jornalista do portal E-Commerce Brasil, possui formação em Produção Multimídia pelo SENAC e especialização em técnicas de SEO. Sua missão é espalhar conteúdos inspiradores.

O Mapa da Fraude da ClearSale revelou que, durante 2022, o Brasil registrou 5,6 milhões de tentativas de fraudes no período de 1º de janeiro a 31 de dezembro. O estudo analisou 312,2 milhões de pedidos no e-commerce brasileiro, feitos via pagamento por cartão de crédito – totalizou R$5,8 bilhões em ações fraudulentas. Em comparação com o ano anterior, as tentativas de fraude apresentaram uma queda de 0,3%, mas os valores ainda foram 4,8% maiores do que em 2021.

A grande novidade para este ano são os dois novos recortes:

Ticket Médio das Fraudes, que teve um aumento em comparação com o ano passado, registrando R$1.046, em 2022, contra R$981, em 2021;

Marketplace, segmento que apresentou 972 mil tentativas de fraudes, com ticket médio da fraude aproximadamente 2,4 vezes o ticket médio dos pedidos positivos.

Categorias das fraudes no e-commerce

Entre as categorias que mais sofreram tentativas, estão:

– celulares (8,2%), com ticket médio de R$2.650;

– eletrônicos (8,0%), representando R$2.442;

– e informática (4,3%), com R$2.589.

Regiões das fraudes

Assim como no ano anterior, a região Norte segue na dianteira, com o maior índice de tentativas de fraude sobre a quantidade total de transações, sendo 3,4%. Ela também é a primeira no ranking do ticket médio da tentativa de fraude com o valor de R$1.420,00. Seguida pelo Nordeste (2,8%); Centro Oeste (2,5%), Sudeste (2,1%) e Sul (1,1%).

Gênero

O Mapa da Fraude mostra que o público masculino é o que mais sofre com tentativas de fraudes, com 3,1% – o público feminino, por outro lado, representa 1,5% do número de fraudes. Em relação à faixa etária, pessoas de até 25 anos foram as que mais sofreram tentativas, totalizando 4%, seguida pelo grupo de pessoas acima de 51 anos (2,1%).

Dia, mês e hora da fraude

A maior concentração de tentativas de fraude é de terça a quinta-feira, onde o ticket médio da fraude gira em torno de R$1.230. Já em meses, o período de fevereiro a maio apresenta os maiores números de tentativas. Ademais, os fraudadores costumam agir de madrugada, tendo em vista que as maiores taxas de tentativas se concentram das 01:00 às 04:00.

Datas Comemorativas

No ano passado, a ClearSale mostrou que o -tentativas-de-fraude-clearsale" target="_blank">Dia dos Pais registrou registrou cerca de 180 mil tentativas de fraudes. Proporcionalmente, no entanto, outras datas comemorativas sofreram com os ataques, como:

– Dia das Mães (2,5%);

– Dia do Consumidor (2,2%);

– Dia dos Namorados (2,1%);

– Black Friday (1%).

Interessante saber que o estudo constatou que a Black Friday não é tão atrativa para as fraudes, uma vez que possui foco em grandes promoções (o que não faz diferença para os fraudadores). Em contrapartida, neste período os golpistas procuram produtos com preços maiores. Por exemplo: em 2022, o ticket médio dos pedidos fraudulentos foi de R$1.463, número 21,3% maior do que na Black Friday de 2021.

Tipos de fraude mais comuns

Fraude Efetiva | Fraude Limpa

O fraudador efetua a compra na loja virtual e na hora do pagamento utiliza dados roubados de cartões de crédito de bons consumidores. Por serem dados verdadeiros, muitas equipes de combate a fraudes sentem dificuldade em barrar este tipo de golpe.

Fraude Amigável

Essa modalidade ocorre quando alguém próximo ao titular do cartão, geralmente parentes ou amigos, faz uma compra sem o consentimento dele. Ao receber sua fatura, o dono do cartão não reconhece a compra e entra em contato com a instituição financeira para pedir o estorno.

Autofraude

Diferente dos demais tipos de fraudes, esta é uma ação realizada pelo próprio titular do cartão. Neste caso, ele realiza a compra online e, contesta o lançamento dentro do prazo da instituição financeira (180 dias), alegando que não fez a compra, mesmo já tendo recebido o produto.