Logo E-Commerce Brasil

Vendas no Varejo subiram 7,7% no Carnaval, segundo o ICVA

Por: Amanda Lucio

Jornalista e Repórter do E-Commerce Brasil

No Carnaval deste ano, o faturamento do varejo aumentou. É o que mostrou o Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA), indicando o crescimento de 7,7% em comparação com o Carnaval do ano passado. A análise é feita com abrangência nacional e considerou os dias 9 a 14 de fevereiro de 2024 e os dias 17 a 22 de fevereiro de 2023. O critério para avaliação foi feito em termos nominais – que espelham as receitas de vendas observadas pelos varejistas.

(Imagem: Freepik)

Segmentos em alta

– Supermercados e Hipermercados (+11,1%)
– Recreação e Lazer (+7,4%)
– Turismo e Transporte (+4,4%)
– Alimentação (Bares e Restaurantes (+0,9%)

De acordo com Carlos Alves, vice-presidente de Tecnologia e Negócios da Cielo, “o resultado de Supermercados e Hipermercados está relacionado ao aumento da inflação em janeiro, o que elevou o faturamento do setor. Outro fator que colaborou para a alta nas vendas foi o fato de que em 2024 o Carnaval foi comemorado mais para o começo do mês, período em que o salário ainda não foi completamente gasto pelas pessoas. Em 2023, o feriado ocorreu mais para o final de fevereiro.”

Capitais com os melhores desempenhos

– Salvador (+8,4%)
– Rio de Janeiro (+8,3%)
– Florianópolis (+7,7%)
– Belo Horizonte (+6,0%)
– Recife (+4,5%)
– São Paulo (+2,8%)

Resultados detalhados

O setor de Supermercados e Hipermercados apresentou maior variação de faturamento na cidade do mmerce-no-rio-de-janeiro-cresce-acima-da-da-media-da-regiao-sudeste-segundo-nielseniq-ebit" data-type="ecbr-news" data-id="128218">Rio de Janeiro, com alta de 11,8%. Seguida por Florianópolis (+8,9%), São Paulo (+7,7%), Belo Horizonte (+7,0%) e Salvador (+3,6%). O segmento teve retração apenas na cidade do Recife, com queda de 5,8%.

Enquanto o segmento de Recreação e Lazer também teve grande variação no Rio de Janeiro (+4,9%). Com São Paulo (+4,8%), Recife (+4,2%) e Belo Horizonte (+0,6%) na sequência. Apenas em em Salvador e Florianópolis, foram registradas quedas de 2,3% e 2,0%, respectivamente.

Os resultados positivos de Alimentação (Bares e Restaurantes), foram puxados por Salvador, com alta de 7,0%. Tendo Recife (+4,7%), Rio de Janeiro (+0,9%) e São Paulo (+0,7%) na continuação. O faturamento teve queda apenas em Belo Horizonte (-2,9%) e Florianópolis (-2,1%).

A maior movimentação da categoria de Turismo e Transportes foi em Florianópolis (+4,4%). Para completar a lista tem: Recife (+1,4%), Belo Horizonte (+0,5%), Rio de Janeiro (+0,4%) e Salvador (+0,2%). Entre as capitais analisadas, São Paulo foi a única que registrou queda no faturamento (-1,1%).