Redação E-Commerce Brasil

Pagamento via Pix no iFood está disponível para todo Brasil

Terça-feira, 18 de maio de 2021   Tempo de leitura: 3 minutos

O iFood passou a disponibilizar o pagamento via Pix a todos os usuários do aplicativo desde segunda-feira (17), com tecnologia desenvolvida pela fintech Zoop. Desde o início do mês, o meio de pagamento estava disponível apenas em algumas cidades.

A empresa de tecnologia financeira é parceira de longa data da foodtech, para a qual já fornece outras soluções de meios de pagamento, bem como o serviço de banking com a Conta Digital para os restaurantes parceiros. Agora, a modalidade está disponível para contas de todas as cidades do Brasil.

“Para disponibilizar rapidamente o Pix para o iFood e outros clientes, desenvolvemos a tecnologia de integração da plataforma de pagamentos da Zoop com o sistema brasileiro de transferências instantâneas, criando um modelo eficiente, seguro e adequado às regras técnicas e regulatórias definidas pelo Banco Central. É importante estar à frente neste sentido, porque a transferência de recursos via Pix entre as pessoas já se consolidou e seu uso tende a se expandir como uma modalidade de pagamento no varejo, à medida que as empresas de pagamentos consigam se adequar à tecnologia”, explica Alessandro Raposo, CMO da Zoop.

“Disponibilizar este novo método de pagamento para nossos parceiros está em linha com o core business da Zoop, que é oferecer serviços financeiros inovadores. Por meio de nossa plataforma white-label, médias e grandes empresas de qualquer segmento podem oferecer soluções e serviços de pagamentos a seus clientes, de forma ágil e em conformidade com todas as regulamentações brasileiras”, comenta Raposo.

Como funciona o Pix no iFood?

Os clientes que quiserem aderir à nova funcionalidade terão a opção de escolher a transferência bancária via Pix ao final do pedido, na fase de pagamentos. Ao selecionar a opção, o aplicativo gera um código Pix, que deve ser utilizado no banco do cliente para a realização da transferência do valor do pedido para o delivery.

Segundo a empresa, o cliente tem até 5 minutos para concluir o pagamento e, se não for realizado neste período, o pedido será cancelado automaticamente no app. Esse mecanismo garante maior segurança na operação, tanto para os clientes quanto para os restaurantes.

“O desenvolvimento do Pix em parceria com o iFood teve como principal objetivo oferecer uma nova opção de pagamento prática e conveniente. Para os clientes que preferem pagar pelo delivery de forma instantânea, o Pix será uma ótima alternativa, bem como também atenderá o público que não possui cartão de crédito ou não quer dispor de seu limite de compras”, finaliza Raposo.

Leia também: iFood promete financiar compra de motos elétricas para entregadores

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER