Redação E-Commerce Brasil

Não haverá mais atualizações, suporte e correções de segurança para o Magento 1, entenda

Quinta-feira, 30 de julho de 2020   Tempo de leitura: 3 minutos

Atualmente, uma a cada quatro lojas online existentes utilizam a plataforma Magento. Eleita plataforma líder no Quadrante Mágico do Gartner para o Comércio Digital e no The Forrester Wave, a Magento iniciou sua história em 2008, quando foi lançou sua primeira versão, o Magento 1.

Entretanto, desde que a segunda versão da plataforma foi lançada, em 2015, a Magento vem anunciando o fim do suporte ao Magento 1. Ao que tudo indica, no dia 30 de junho de 2020 o suporte oficial à primeira versão da plataforma chegou ao fim. De acordo com a Magento/Adobe, atualizações e correções de segurança para a primeira versão não serão mais lançadas.

“Se você ainda utiliza o Magento 1, não precisa entrar em pânico, mas recomendamos que você planeje a atualização do seu comércio eletrônico o quanto antes. Presente no mercado há mais de 5 anos, o Magento 2 oferece inúmeros benefícios em relação à primeira versão da plataforma”, afirma Rodrigo Mourão, CTO da WEBJUMP.

Confira algumas das principais diferenças entre as versões 1 e 2 do Magento:

1) Design responsivo

Apesar da versão 1 já ter suporte mobile, a versão 2 do Magento conta com temas e layouts responsivos, isto é, a interface do e-commerce se adapta, e o usuário consegue encontrar a informação que busca, independentemente da resolução do dispositivo que ele usa para acessar a loja virtual.

2) Segurança

O Magento 2 utiliza padrões de codificação mais modernos e seguros. Além disso, as novos releases são lançados frequentemente, garantindo uma plataforma em constante evolução e atendendo os mais altos níveis de segurança.

3) Atualização de linguagem

A segunda versão da plataforma possibilita o uso de versões mais recentes — e populares — de linguagens de programação como o PHP, HTML 5, CSS 3.3 e JQuery.

4) Checkout e desempenho otimizados

Mais rápido e mais seguro, Magento 2 faz integração com o Varnish Cache, responsável pelo cache de solicitação que ajuda a acelerar o carregamento das páginas. Além disso, a versão, que simplificou o processo de checkout, ainda permite inúmeras customizações nesta tela – tudo para atender as necessidades de cada cliente.

5) Área de Testes

Exclusivo na versão 2 do Magento, a plataforma nativa de testes permite a execução de testes automatizados, independentemente do tamanho da loja online. As alterações só podem ser vistas pelos visitantes da página quando tudo estiver funcionando 100%.

Leia também: Carbono: todo o poder da plataforma de e-commerce Magento 2 em uma solução acessível e de rápido desenvolvimento.

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.