Logo E-Commerce Brasil

Logística Verde: desafios para implementação e seus benefícios

Por: Marcelo Acácio

Profissional com mais de 15 anos de experiência em Negócios Digitais e Marketing Online com casos de sucesso em grandes empresas como Trifil , Scala Lingerie e Bracol. Responsável pelo marketing online e pela criação da área de e-business na Esser Incorporadora, pelo vestibular online para EAD e comunicação na FIAP, pelo o projeto de UX e transformação digital da empresa Gimba.com. Na Mmartan - grupo Coteminas, foi o mentor da implantação da cultura digital na empresa: <nowrap>e-commerce</nowrap>, Erp, Wms, Crm, televendas e SAC e o responsável pela implantação e Gerenciamento dos Shoppings UOL, BOL, ZIP; Sartup do UOLHost.

A sustentabilidade entrou na pauta de empresas de todos os setores ainda na década de 1970, com a primeira Conferência Ambiental da Organização das Nações Unidas e os acordos internacionais de preservação à natureza para reduzir a emissão dos gases do efeito estufa.

Se a abordagem tradicional de logística muitas vezes deixa a sustentabilidade ambiental de lado durante a tomada de decisões, a Logística Verde — cuja importância está na gestão da cadeia de suprimentos devido aos benefícios que traz para todos os aspectos de uma organização — se propõe a encontrar equilíbrio entre ecologia e economia. Como administrar isso? Por que incluir políticas de logística verde na empresa?

A logística verde refere-se ao conjunto de políticas e medidas sustentáveis ​​que visam reduzir o impacto ambiental causado pelas atividades desta área de negócio. Este conceito de logística afeta a configuração de processos, estruturas e sistemas ou equipamentos no transporte, a distribuição e o armazenamento de mercadorias. Ao implementar estratégias para reduzir o impacto ambiental, as empresas preservam também a saúde das pessoas.

Em termos de logística humanitária, encoraja os participantes a considerarem o impacto de suas ações no meio ambiente e coordenar atividades que tragam prejuízos menores. Isso inclui estar ciente de como as ações afetam a mudança climática, a poluição do ar, o desperdício, a degradação do solo, o ruído e os acidentes.

Benefícios da logística verde

A Logística Verde, Sustentável ou Eco-Logística, pode fornecer benefícios para a eliminação adequada dos resíduos, incluindo produtos tóxicos e perigosos. Também considera todo o ciclo de vida de um produto: produção, distribuição, consumo e descarte.

Créditos: Denys Nevozhai

A Logística Verde mede a pegada de carbono das operações logísticas para estabelecer um ponto de partida para considerar as medidas de sustentabilidade e controlar seus resultados. Além, claro, para reduzir a poluição do ar, solo, água e sonora, analisando o impacto de cada área de logística — principalmente àquelas relacionadas ao transporte.

Desafios

Hoje, o setor de logística não é conhecido por seu alto grau de sustentabilidade e enfrenta obstáculos na implementação de políticas ambientais, ao mesmo tempo. Entre os motivos, estão:

1 – Dependência de combustíveis fósseis, especialmente nos transportes

Soluções eficazes e economicamente viáveis ​​ainda precisam ser encontradas para diminuir a dependência de combustível do setor no transporte de mercadorias.

2 – Impacto das entregas da última milha no tráfego urbano

As entregas de e-commerce aumentaram o volume de veículos nas grandes cidades. Também por isso, as retiradas de encomendas em e-Boxes/armários inteligentes passam a ser uma solução logística que, além de rapidez, facilidade e baixo contato, é mais sustentável do que outras.

Créditos: Fernanda Vidoti

4 – Empresas precisam investir

Independente de as operações logísticas serem realizadas internamente ou terceirizadas, as taxas e margens apertadas nem sempre permitem investimento em infraestrutura, automação de processos ou equipamentos de manuseio mais eficientes.

5 – Invisibilidade da logística para os consumidores

Geralmente, a logística não é sustentável porque para o cliente ela é invisível. É difícil aplicar políticas de logística verde quando o cliente exige, por exemplo, entregas 24 horas que impedem a consolidação de suas cargas ou o aproveitamento dos fluxos de transporte.

Além disso, os custos logísticos muitas vezes não são discriminados em uma fatura ou são insignificantes. Isso diminui relevância que têm e, portanto, reduzem as razões para um negócio investir em sua sustentabilidade ambiental.

Vale mencionar ainda que a forma como as empresas lidam com o meio ambiente e com o social é hoje importante fator para a escolha dos consumidores. Instituir logística verde, portanto, tem como consequência a melhora na reputação da marca, fechando um ciclo de benefícios, que, em longo prazo, aumentar a receita geral da organização