Logo E-Commerce Brasil

Varejo vê queda de 1,8% nas vendas em março, mas volume cresce, mostra Stone

Por: Lucas Kina

Jornalista e repórter do E-Commerce Brasil

O Índice de Atividade Econômica Stone Varejo mostrou uma queda de 1,8% nas vendas do setor em março. Com resultados pouco expressivos na maioria dos segmentos, o período foi marcado por uma atividade econômica baixa frente o mesmo mês em 2022, mas com sinais de melhora.

Stone
(Foto: Unsplash)

Apesar disso, o volume de vendas cresceu 3,6% em retrospecto igual, superando o mês anterior. 

Todos os segmentos do varejo apresentaram melhora ante base anual, com destaque para três: Móveis e Eletrodomésticos (7,9%); Tecidos, vestuário e calçados (7,4%); e Livros, jornais, revistas e papelarias (7,2%).

Segmentos

De acordo com o levantamento, elaborado pela Stone e pelo Instituto Propague, ainda na comparação ano a ano, somente Farmácia (10%) e Móveis/Eletrodomésticos (1,8%) tiveram índices positivos.

A tônica, portanto, foi de resultados negativos, com hipermercados e supermercados (10,3%) contabilizando a maior queda. Em seguida, ficam livros, jornais, revistas e papelaria (9,2%); tecidos, vestuários e calçados (4,1%), hipermercados, supermercado, produtos alimentícios, bebidas e fumo (1,4%) e material de construção (1,2%).