Projeto mantido por:

  Redação E-Commerce Brasil

No Dia das Mães, shoppings registram aumento e movimentam R$ 5,3 bi

Sexta-feira, 13 de maio de 2022   Tempo de leitura: 2 minutos

Nesta semana, mostramos como o Dia das Mães influenciou positivamente nas vendas online, inclusive em relação aos marketplaces omnichannel. Entretanto, o varejo físico também mostra ótima recuperação, como mostra o relatório da Abrasce (Associação Brasileira de Shopping Centers). Com base no Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA), as vendas no Dia das Mães cresceram 28,6% nos shopping centers de todo o Brasil. Este aumento se deu entre os dias 2 e 8 de maio, comparado com o mesmo período de 2021. O resultado superou a expectativa inicial do setor, que previa um aumento nominal de 19%.

Imagem de um casal andando no shopping segurando sacolas de compras
Neste ano, o comércio nos shoppings movimentou R$ 5,3 bilhões na semana que antecedeu o Dia das Mães.

Leia também: Americanas S.A. registra crescimento de 22% no primeiro trimestre de 2022

Em termos de crescimento real, já descontada a inflação, a variação foi positiva em 16% sobre as vendas do ano passado. Se considerarmos o Dia das Mães de 2019, o resultado real foi positivo em 4%. Ou seja, melhor desempenho da data após o início da pandemia, assim como acima da perspectiva para este ano (+2,5%).

Movimentação dos shoppings no Dia das Mães

Neste ano, o comércio nos shoppings movimentou R$ 5,3 bilhões na semana que antecedeu o Dia das Mães. Portanto, um montante superior aos R$ 4,9 bi esperados na previsão inicial do setor.

Leia também: Infracommerce registra receita líquida de R$ 194,5 milhões no 1º trimestre

Ticket médio

O valor médio gasto pelos consumidores foi de R$ 198, uma ligeira retração de 7% se comparado aos R$ 213 do ano passado. Ainda assim, ele é 145,8% superior ao ticket médio de R$ 81 registrado nas lojas de rua.

Segundo Glauco Humai, presidente da Abrasce, o bom desempenho nas vendas na data é mais um indicativo da recuperação do varejo dos shoppings aos níveis pré-pandemia. Além disso, abre a perspectiva de resultados ainda mais animadores ao longo do ano. “Superar as nossas próprias expectativas para a data nos mostra que o público queria retomar o hábito de frequentar shoppings e usufruir de toda a comodidade e praticidade que os empreendimentos oferecem. O resultado do Dia das Mães indica que as pessoas queriam compensar aquele período presenteando da melhor maneira possível. Com esse bom desempenho, o setor acredita em uma retomada contínua ao longo dos próximos meses”.

Leia também: Locaweb tem lucro de R$ 4,5 milhões no 1º trimestre, revertendo prejuízo de R$ 8,4 milhões

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER