Logo E-Commerce Brasil

Qual a relação entre tecnologia e gestão?

Por: Luiz Felipe Rocha

Social Mídia e Redator. Entrou no time SGPweb em novembro de 2021 com o intuito de manter o grupo por dentro das atualidades do mercado e deixar os canais de comunicação da empresa ainda mais cheio de novidades e tendências do <nowrap>e-commerce</nowrap>.

Ao longo dos últimos anos, as empresas adotaram algumas soluções tecnológicas para simplificar suas rotinas e melhorar a performance de seus times. Não é uma novidade que a tecnologia trouxe para o mundo empresarial ferramentas que contribuem para tornar os processos operacionais menos complicados e mais rápidos. Pequenos ou grandes, os serviços de soluções tecnológicas estão aí para auxiliar as empresas, tornar os processos eficientes e permitir que a lucratividade seja escalável. Considerando todos esses pontos positivos, quais são as razões objetivas para se investir em tecnologia de gestão?

O custo de execução dos processos será menor ao adotar um sistema de gestão, pois a otimização permitirá agilidade e segurança e, independentemente do tamanho do empreendimento, o investimento em solução de gestão propicia a sua cadeia operacional condições mais lucrativas. Com auxílio da tecnologia, haverá ganhos produtivos pelo acesso informacional que estará disponível.

Pessoas ao redor de um tablet

O custo de execução dos processos será menor ao adotar um sistema de gestão, pois a otimização permitirá agilidade e segurança.

A repetição a ser favor

A automação condiciona os processos repetitivos dando oportunidade para que o time consiga focar em outras atividades. Sobra mais tempo para desenvolver projetos importantes e complexos.

A compreensão sobre o negócio e tudo que está relacionado a ele se amplifica quando você permite que facilidades tecnológicas sejam incorporadas ao negócio; torna-se indispensável entender como a empresa funciona durante todos as etapas da gestão. As informações sobre essas etapas contribuem para o aperfeiçoamento estratégico, criação de novas ações e implementação de novas rotinas, concedendo às operações da empresa resultados mais eficazes.

Como aprender com os erros

Os erros operacionais diminuem com expressividade – uma vez que os processos se estabeleçam de forma eficiente, a quantidade de erros é mitigada. Por consequência, as metas estratégicas, voltadas para produtividade, são atingidas facilmente.

Quando sistemas tecnológicos estão operando, abre-se espaço para a inovação. De certa forma, a tecnologia é capaz de gerar novas soluções, podendo, inclusive, ao compreender a característica do seu público-alvo, aplicar iniciativas mais direcionadas e personalizadas que se adequem ao seu perfil de consumidores.

A logística é definitivamente o canalizador central de toda operação tecnológica, e ela, com certeza, será a mais impactada. Espontaneamente, haverá uma melhoria no funcionamento logístico, na gestão de estoques, entrega de produtos e satisfação do cliente.

Algumas dicas extras

Separamos duas dicas extras que podem unir vantagens das ferramentas tecnológicas às suas operações comercias, especialmente utilizando apenas as mídias sociais e plataformas online:

Use e abuse do marketing de conteúdo

A maioria das empresas já entenderam o quão importante é entregar mais do que a oferta dos seus produtos e serviços. Explorar algumas estratégias de marketing com conteúdo tem possibilitado o aumento do engajamento das pessoas com as marcas. Isso possibilita aumentar o escopo de captação de leads.

Feedback no pós-venda

Após finalizada a entrega do produto ou serviço, é crucial solicitar um feedback do seu cliente. A forma como isso será solicitado ou perguntado depende de como o seu pós-venda está desenhado. Toda tratativa que você venha a ter após a venda do produto irá definir se o consumidor poderá ser fidelizado ou não.

Aproveite para planejar ações promocionais e inseri-las na sua estratégia de pós-venda. Dessa forma, o seu cliente entenderá que você está preocupado em conceder benefícios a ele e demonstrará um tratamento diferenciado do comum.

Leia também: Qual a importância das integrações para a evolução de um e-commerce?