O que é SEO do WordPress?

por Henrique Aren Troitinho Segunda-feira, 30 de março de 2020   Tempo de leitura: 8 minutos

Formulada dessa forma, a pergunta sugere que existe um tipo específico de SEO que atende apenas ao WordPress. Só que não é nada disso. Explicamos!

Com certeza você já ouviu falar em Joomla, Shopify, Magento, Wix, Weebly e WordPress. Tudo isso é plataforma. Cada uma tem suas próprias características — vantagens e desvantagens — e umas servem mais do que as outras para determinadas propostas.

Por exemplo: normalmente o Shopify abriga apenas lojas, embora possa ter blog. O WordPress, ao contrário, é mais usado para conteúdos, embora possa vir a ser um e-commerce.

Então, sempre que ouvir ou ler “SEO do WordPress” entenda que quer dizer SEO aplicado no projeto abrigado nesta plataforma. Simples assim.

Agora, aplicar SEO em outras plataformas é a mesma coisa do que aplicar no WordPress? É o que veremos agora.

O WordPress tem em seu software o seu próprio mecanismo de SEO. Isso quer dizer que é outro tipo de SEO? Não.

O que acontece no WordPress é que existem plug-ins excelentes, feitos pela própria plataforma — ou para a plataforma —, que auxiliam muitíssimo a aplicação do SEO. É como se o WordPress nos poupasse de parte do trabalho, pedindo apenas que preenchamos nestes plugins, de maneira fácil e intuitiva, as palavras-chave que pretendemos usar em determinado conteúdo.

O WordPress é bastante conhecido por isso, inclusive. Por isso é a plataforma preferida para quem trabalha com informação ou algo perto disso. Vários dos grandes jornais e revistas mundo afora usam a plataforma.

Justamente devido a todo esse aparato de SEO, o que é feito no WordPress é indexado de maneira rápida, o que por sua vez faz com que suba no ranking com mais assertividade.

Quais são os plug-ins e ferramentas para se trabalhar no SEO do WordPress?

Algumas ferramentas e plug-ins para se trabalhar com SEO do WordPress são:

  • Schema;
  • Broken Link Checker;
  • Rel Nofollow Checkbox.

Yoast SEO

Muito mais do que a maioria dos adeptos do WordPress usam o plug-in Yoast SEO — é superfácil de usar, aliás. Basta preencher o campo principal com a palavra-chave central que deseja usar e ir observando as considerações que o próprio plug-in fará.

É fácil assim porque o Yoast vai apontando com sinais nas cores vermelho, amarelo e verde, o que está ruim, o que está regular e o que está ótimo, respectivamente. Como um semáforo mesmo. Quanto mais itens em verde, mais propício está o seu conteúdo para performar bem.

Com o Yoast, também é possível otimizar toda a rastreabilidade do site, além da otimização on-page dos conteúdos. Mas há vários plug-ins de performance e outros que os complementam, como o de redirecionamento 301.

Antes de continuarmos, entretanto, é importante fazer outra pergunta: por que usar o WordPress como plataforma? Ele serve para qualquer tipo de projeto?

O WordPress é fácil de trabalhar, é de baixo custo e constantemente faz atualizações para continuar se adequando aos padrões do Google. Além do mais, tem excelentes e lindas opções de template responsivos, o que garante usabilidade para os diversos dispositivos, algo importantíssimo hoje.

Posso ter um e-commerce no WordPress?

Escolhendo o WordPress para abrir sua loja virtual, você conta com muita vantagens. Uma delas é o plug-in WooCommerce, que transforma a estrutura normal do WordPress numa loja online super fácil de administrar, com tudo que você precisa: processamento de pagamento, carrinho de compras, galerias de produtos. Há outros plug-ins para essa adaptação, mas este é o mais usado.

Quais projetos posso desenvolver no WordPress?

  • Blogs;
  • Sites institucionais;
  • Portfólios;
  • Fóruns;
  • E-commerces;
  • Escolas à distância;
  • Salas de bate-papo;
  • Revistas e jornais, entre outros;
  • Sistema de faturamento;
  • Sistema de CRM;
  • Sistema de gerenciamento de projetos só seu — não precisa usar o Trello ou o Asana, por exemplo;
  • Crowdsourcing.

Vantagens do WordPress:

  • É gratuito – você só precisa pagar a hospedagem nalgum servidor;
  • Fácil de instalar;
  • Fácil de usar;
  • É adaptável,
    Permite vários tipos de projetos;
  • Suporta vários tipos de mídia (Imagens, documentos, áudio, vídeo, além de poder fazer upload de arquivos de vários formatos como jpg, .png, .gif .pdf, .doc, .pptx, .mp3 e por aí vai, até os mais inusitados, como odt, .key, .ogg e .3gp;
  • Belos templates;
  • SEO de primeira!

Como otimizá-lo?

Principalmente usando — e atualizando — os tantos plug-ins. Há muitos deles e para muitas coisas, em versões gratuitas e premium.

Outras formas de deixar o SEO do seu WordPress sempre otimizado são:

  • Checar a “saúde” do servidor;
  • Ficar de olho na segurança, principalmente se for loja;
  • Fazer backups;
  • Testar funcionalidades;
  • Verificar se há links quebrados;
  • Verificar a velocidade do site e fazer os constantes reparos.

Como criar um sitemap para WordPress?

O sitemap aumenta a visibilidade das páginas nos mecanismos de busca, indexa-as rapidamente. Há duas categorias de sitemap: XML e HTML.

O XML é destinado aos buscadores enquanto o HTML aos que usam o site, proporcionando fácil navegação.

Para o XML você pode usar vários plug-ins. O mais usado é o Yoast SEO. Ele é responsável pelos aspectos técnicos relacionados aos conteúdos, além de avaliar a densidade de palavras-chave, entre outros detalhes. É o que falamos acima.

O plugin do Google também pode ser usado e ajuda a indexar noutros buscadores como Ask, Yahoo e Bing. Agora, para criar HTML sitemap para WordPress, o plugin mais usado é o WP Sitemap Page.

Depois de instalá-los, é importante enviar o sitemap através do Google Search Engine Console. Insira a URL do site e clique no botão “Enviar”. O Google processará e rastreará suas páginas.

Como aparecer nos resultados do Google?

Para trabalhar de maneira eficiente o SEO no WordPress, já que ele facilita demais a rotina — é importante focar em descobrir a palavra-chave perfeita a ser trabalhada. Para isso, as pessoas estão buscando no Google.

Mas é claro que não é só isso. Há muito mais para fazer em um e-commerce a fim de garantir bons resultados.

Na hora de trabalhar palavras-chave, preste atenção em:

  • O volume de buscas da palavra-chave que pretende usar;
  • Qual a semântica a ser trabalhada no conteúdo da vez;
  • O conteúdo é mesmo de qualidade?

É importante verificar a qualidade do conteúdo porque ele anda de mãos dadas com o SEO, lembra? Não adianta um SEO bem aplicado em um conteúdo mal feito, assim como o texto pode ter vencido o Nobel, mas sem as técnicas bem aplicadas, não se sobressairá.

Como inserir o código de acompanhamento do Analytics no WordPress?

Crie login de acesso no Google Analytics e insira as informações mais importantes:

  • Nome da conta;
  • Nome da loja;
  • URL;
  • Categorias;
  • Fuso horário dos relatórios.

Depois de preencher essas informações, basta clicar em “Obter ID de rastreamento”. Leia os “Termos de Serviço” e clique em “Aceitar”. Na próxima página você já verá o código.

Como alavancar meu site?

Essa é a pergunta de um milhão de dólares. Se fosse simples a resposta, profissionais de SEO seriam os mais requisitados. Contudo, cada projeto precisa ser analisado em suas particularidades e o trabalho de SEO planejado com cuidado e profissionalismo. Para tal, é de extrema importância a contratação de profissionais especializados.

SEO para qualquer plataforma, SEO do WordPress, não importa o tipo, a dedicação é diária para fazer do e-commerce um projeto de sucesso.

Gostou desse artigo? Não esqueça de avaliá-lo!
Quer fazer parte do time de articulistas do portal, tem alguma sugestão ou crítica?
Envie um e-mail para redacao@ecommercebrasil.com.br

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.