Redação E-Commerce Brasil

Walmart faz parceria com Shopify para expandir marketplace

Terça-feira, 16 de junho de 2020   Tempo de leitura: 3 minutos

O Walmart fechou parceria com a gigante de comércio eletrônico Shopify para expandir seu marketplace de terceiros e ganhar maior participação nas compras online, que deram um salto com a pandemia.

A maior varejista do mundo pretende incluir 1,2 mil vendedores da Shopify neste ano, disse em entrevista Jeff Clementz, executivo do Walmart.

O marketplace da empresa, que já oferece mais de 75 milhões de produtos, cresceu em ritmo mais rápido do que a divisão online do Walmart no primeiro trimestre.

As vendas de terceiros são geralmente mais rentáveis, pois vendedores pagam uma comissão quando uma venda é realizada e, muitas vezes, arcam com os custos de entrega.

Walmart quer expandir

A parceria é mais uma iniciativa da empresa para expandir a escala e a rentabilidade do comércio eletrônico nos EUA, que movimenta US$ 21,5 bilhões e ganha terreno da líder do mercado Amazon, mas continua a perder dinheiro.

Nos últimos anos, o Walmart lançou um serviço de garantia para vendedores externos, permitindo que clientes retornem itens do marketplace em suas lojas físicas e descartou milhões de itens de terceiros que não atendiam aos padrões de qualidade.

“Existem muitos vendedores da Shopify que já estavam no Walmart, mas não havíamos entrado em sua base na extensão possível”, disse Clementz, vice-presidente do Walmart Marketplace. “Há uma tremenda oportunidade.”

Para a Shopify, o acordo fornece à sua rede de milhões de comerciantes acesso aos clientes do Walmart.

Em maio, a empresa fechou uma parceria com o Facebook, segundo a qual varejistas podem importar catálogos de produtos da Shopify para o novo serviço Shops da gigante de redes sociais.

Fundada em 2006, a Shopify se tornou a plataforma preferida de grandes e pequenas empresas que desejam entrar no comércio online de forma barata e rápida.

A taxa mínima é de apenas US$ 29, o que dá direito à compra de uma loja virtual e tudo o que é necessário para operá-la, incluindo ferramentas para gerenciar pagamentos, estoque e remessas.

Leia também: Walmart encerra operação do e-commerce Jet.com

As informações são do Money Times

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.