Projeto mantido por:

  Redação E-Commerce Brasil

Walmart demite funcionários corporativos após recuo na perspectiva de lucros

Sexta-feira, 05 de agosto de 2022   Tempo de leitura: 3 minutos

O Walmart começou a demitir funcionários corporativos, confirmou a empresa na quarta-feira, cerca de uma semana depois de reduzir suas perspectivas de lucro e alertar que os consumidores reduziram os gastos discricionários devido à inflação.

Em comunicado à CNBC, a gigante do varejo descreveu as demissões como uma forma de “posicionar melhor a empresa para um futuro forte”. Cerca de 200 empregos foram cortados, segundo fontes internas.

Anne Hatfield, porta-voz do Walmart, se recusou a comentar quais divisões foram afetadas, mas disse que o varejista ainda está contratando partes de seus negócios que estão crescendo, incluindo cadeia de suprimentos, comércio eletrônico, saúde e bem-estar e vendas de publicidade.

“Os compradores estão mudando. Os clientes estão mudando”, disse ela. “Estamos fazendo algumas reestruturações para garantir que estamos alinhados.” As demissões corporativas foram relatadas pela primeira vez pelo The Wall Street Journal.

O Walmart é o maior empregador do país, com quase 1,6 milhão de trabalhadores nos EUA. A empresa, vista como uma referência para a economia do país, assustou os investidores em 25 de julho, quando cortou suas perspectivas de lucro trimestral e anual. Esse aviso teve um efeito desencorajador no setor de varejo, arrastando para baixo as ações de empresas, incluindoMacy’seAmazonase enviando um alerta sobre a saúde do consumidor americano.

O Walmart disse na época que, à medida que os compradores gastavam mais em necessidades como mantimentos e combustível, eles estavam pulando mercadorias de alta margem, incluindo roupas. Ela disse que teria que cortar preços para vender mais desses itens, especialmente porque um excesso de estoque se acumulou em suas lojas e nas de concorrentes como Target e Bed Bath & Beyond.

As vagas de emprego nos EUA em junho caíram acentuadamente, mas o cenário trabalhista permanece apertado , com 1,8 vagas abertas por trabalhador disponível. Muitas das empresas que cresceram durante a pandemia, incluindo a principal concorrente do Walmart, a Amazon, começaram a reduzir as contratações.

Leia também: Walmart inicia venda de usados de produtos Apple e Samsung

Fonte: CNBC

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER