Redação E-Commerce Brasil

Varejo e e-commerce são líderes em engajamento no Facebook e no Instagram

Terça-feira, 26 de outubro de 2021   Tempo de leitura: 4 minutos

A Emplifi, marca focada em care, que une Socialbakers e Astute, analisou o total de interações em perfis de marcas no Instagram e Facebook e divulgou um ranking dos setores da indústria que obtêm maior engajamento em cada uma dessas plataformas.

O levantamento mostra que o segmento de varejo é líder em engajamento no Facebook, com 20,2% do total de interações em perfis de marcas na rede no segundo trimestre de 2021. Em comparação com o estudo anterior, realizado no primeiro trimestre deste ano, foi registrado um aumento de 0,6% na taxa de interação de contas pertencentes a esse setor, que antes era de 19,6%.

Na rede social criada por Mark Zuckerberg, o e-commerce garantiu a segunda colocação com 15,1% das interações, mantendo sua posição no ranking desde o começo do ano, mas dessa vez, com uma porcentagem um pouco menor, já que no primeiro trimestre a taxa de interação registrada para esse setor da indústria era de 16,2%.

Apesar dessa diminuição no Facebook, o e-commerce triunfou no Instagram, garantindo o primeiro lugar em termos de interações na rede social. Em comparação com o levantamento realizado no início do ano, a performance de perfis de e-commerce no Instagram passou de 24,5% para 42%. Já o varejo, que é o grande destaque em termos de interação no Facebook, ficou apenas na terceira colocação, atrás de contas de moda que registraram 12,9% das ações dos usuários, enquanto o varejo é responsável por apenas 10,8% delas.

Segundo o levantamento, observou-se também uma grande diminuição na porcentagem de interações do setor de moda que, no início de 2021, tinha 22,5% das ações dos usuários, registrando uma queda de 9,6% no segundo trimestre.

O estudo ainda mostra que, no Facebook, o setor de beleza, que antes era responsável por 8,5% das interações, deu lugar aos serviços que chegam em terceira posição, com uma porcentagem de 9,7%. Enquanto isso, as contas da indústria de beleza passam ao quinto lugar com 5,7%, ficando atrás do setor de moda que obteve 7,7% das interações.

Abaixo estão os setores que se destacaram nas redes sociais:

Facebook no 3º trimestre de 2021

1.Varejo – 20,2% das interações
2. E-commerce – 15,1% das interações
3. Serviços – 9,7% das interações
4. Moda – 7,7% das interações
5. Beleza – 5.7% das interações

Facebook no 1º trimestre de 2021

1. Varejo – 19,6% das interações
2. E-commerce – 16,2% das interações
3. Beleza – 8,5% das interações
4. Serviços – 8,4% das interações
5. Moda – 6,6% das interações

Instagram no 3º trimestre de 2021

1. E-commerce – 42% das interações
2. Moda – 12,9% das interações
3. Varejo – 10,8% das interações
4. Beleza – 8,8% das interações
5. Serviços – 6,1% das interações

Instagram no 1º trimestre de 2021

1. E-commerce – 24,5% das interações
2. Moda – 22,5% das interações
3. Varejo – 14% das interações
4. Beleza – 11,6% das interações
5. Serviços – 7,6% das interações

O estudo analisou as publicações feitas em perfis de marcas brasileiras entre julho e setembro de 2021.

Leia também: Especialista aponta os caminhos para evitar conflito de canais em D2C

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER