Projeto mantido por:

  Redação E-Commerce Brasil

Varejo só deve voltar ao normal no fim do ano. Dia das Mães e Natal devem ser afetados

Quinta-feira, 30 de abril de 2020   Tempo de leitura: 1 minuto

O setor do varejo só deve voltar ao normal, com dados parecidos ao período pré-pandemia, no fim do ano. A previsão é de Altamiro Carvalho, assessor econômico da FecomercioSP, em entrevista ao site 6minutos.

Na avaliação de Carvalho, o faturamento continuará em queda mesmo depois da permissão para reabertura de todas as lojas. Com isso, as vendas do Dia das Mães e Natal, estarão prejudicadas.

Pode parecer exagero, mas Altamiro cita o Natal, porque o décimo terceiro não deve ser usado para as compras de presentes, mas psara pagamentos de dívidas e consumos.

Previsão para o Varejo

Além disso, o pior cenário deve ocorrer e, na visão dele, muitas lojas e não devem sobreviver, depois de todos os dias paradas por causa das restrições de circulação impostas pelos governos, para tentar conter o avanço do Coronavírus.

Como exemplo, ele disse na entrevista para o 6 minutos que “na crise de 2016, o comércio perdeu 100.500 lojas, sendo que 98.500 eram pequenas e microempresas.”

Muitas empresas têm migrado para o e-commerce para continuar vendendo. Mas, na visão do economista, mesmo que o comércio eletrônico dobre de tamanho, ainda representa a menor participação nas vendas.

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER