Acesso rápido
  Redação E-Commerce Brasil

Valor médio do presente do Dia dos Pais deve ser de R$ 182, aponta pesquisa

Segunda-feira, 05 de agosto de 2019   Tempo de leitura: 5 minutos

O ticket médio do presente para o Dia dos Pais deve ficar em torno de R$ 182. O valor 1,7% superior ao registrado em 2018 (R$ 179,44) foi apontado segundo a pesquisa de intenção de consumo da Boa Vista. A inflação no período medida pelo IPCA, contudo, foi de cerca de 3,4%.

Ainda de acordo com o levantamento, 52% dos consumidores entrevistados pretendem comprar presentes em função da data — percentual praticamente igual ao de 2018. Por outro lado, houve uma queda de cinco pontos percentuais – p.p. (de 40% para 35%) entre os que irão gastar mais este ano com a compra do presente, se comparados aos da data passada. Outros 45%, por sua vez, irão gastar valores similares aos de 2018.

Também de acordo com a pesquisa, 20% dos consumidores pretendem gastar menos nesse ano em relação ao ano anterior. Destes, 45% dizem que a situação econômica atual é o principal motivo para economizar, o que representa um aumento de 9p.p. em relação ao ano passado.

O segundo motivo apontado pelos consumidores que pretendem gastar menos o Dia dos Pais é a contenção de despesas (24%), seguida por priorizar o pagamento de outras contas da casa (12%).

A Boa Vista constatou ainda que 85% dos consumidores pretendem comprometer menos de 25% da renda mensal com os gastos para o Dia dos Pais.

Já o ticket médio deste ano deve ficar em torno de R$ 182, 1,7% superior ao valor registrado em 2018 (R$ 179,44). A inflação no período medida pelo IPCA, contudo, foi de cerca de 3,4%.

Diante da pretensão de gasto e valor médio que pretendem investir, o presente desejado não será o mesmo que o comprado. Por exemplo, 68% presentearão com itens de vestuário, mas apenas 23% dos pais querem ganhar este tipo de presente. 28% desejam ganhar algo relacionado a entretenimento, mas apenas 10% comprarão estes itens.

Influência e local da compra

As promoções serão as ações que mais influenciarão a decisão de compra, com 35% das menções. Depois a utilidade do presente (21%) e o desejo do presenteado (20%). 79% irão comprar os presentes dos pais em lojas físicas. Desses, 45% concentrarão as compras em lojas de shoppings centers, 33% em lojas de rua, 15% em redes varejistas e magazines e 2% supermercados/hipermercados.

O que comprar?

Itens de vestuário, calçados, acessórios e perfumes serão os mais procurados segundo os consumidores que pretendem presentear neste Dia dos Pais. O registro teve mesmo percentual que do ano passado (68%). Almoço, viagem, ferramentas e bebidas aparecem na segunda posição, com 10% das menções. São seguidos por celulares e smartphones (8%) e itens de informática e eletrônicos em geral (4%).

Vai pagar como?

Entre os que irão às compras neste Dia dos Pais, 69% pagarão o presente à vista. Destes, 39% farão uso do dinheiro em espécie e outros 39% o cartão de débito. Outros 18% pagarão com o cartão de crédito, 4% com carnê/boleto e 1% cheque.

Entre os 31% que irão comprar o presente para o Dia do Pais e pagar de forma parcelada, 70% deles dividirão em até três vezes; 23% de quatro até seis parcelas e 5% de sete até 12 parcelas. 86% farão uso do cartão de crédito para parcelar as compras, 11% do carnê/boleto, 2% do cartão de débito programado e apenas 1% do cheque pré-datado.

Estar endividado é o principal motivo entre os consumidores que não irão comprar presentes neste Dia dos Pais, com 33% das menções. Outros 20% irão priorizar o pagamento de despesas já existentes, como contas da casa, mensalidade escolar, plano médico e demais gastos do dia a dia.

Os dados desta pesquisa também estão ilustrados em um infográfico. Para visualizar clique aqui.

Metodologia

A Pesquisa Hábitos de Consumo para o Dia dos Pais, da Boa Vista, foi realizada de forma quantitativa entre os meses de junho e julho de 2019. Feita com pouco mais de 1.600 respondentes, entre consumidores do mercado e aqueles cadastrados no site Consumidor Positivo (www.consumidorpositivo.com.br), da Boa Vista. Para a leitura dos resultados é preciso considerar 3% de margem de erro e 95% de grau de confiança para leitura dos resultados.

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.