Redação E-Commerce Brasil

Synapcom e Clube Marisol: o full commerce como multiplicador de oportunidades digitais

Quarta-feira, 24 de março de 2021   Tempo de leitura: 7 minutos

Uma experiente marca de vestuário há quase 60 anos no mercado com foco total em seu negócio principal: o universo infantil. Na última década, precisou diversificar e fortalecer seus canais de venda, como toda empresa do varejo. Mas não se contentou apenas em migrar seus produtos para um endereço online. Por isso, há menos de 5 anos, a empresa começou a focar em um processo de transformação digital que hoje vai muito além das vendas na internet.

Criada em 1964, a Marisol Vestuário é líder no segmento de confecção infantil e franquias no Brasil, além de ser detentora das marcas Lilica Ripilica, Tigor T. Tigre e Marisol. A sua história digital é um pouco mais recente, é verdade. Há cerca de dez anos, começou a vender também no online.

Sem operação de e-commerce interna, a empresa trabalhava com diversos fornecedores diferentes, como conta Ricardo Maciel, gerente de negócios digitais da Marisol. “Vendíamos nossos produtos através de sites parceiros e não em nossos canais. E em 2017, a estratégia desenhada foi de rever e apostar forte neste modelo de negócio. Foi feito um estudo denso para se escolher o modo de operação – se própria ou se seguiríamos para um parceiro relevante de full commerce para evoluir”.

Foi aí que a parceria com a Synapcom começou. Líder no modelo full commerce no Brasil e na América Latina com operação desde 2012, a empresa estrutura, gerencia e viabiliza, de ponta a ponta, toda a operação de vendas no mundo digital.

Maciel conta que, na época, a Marisol sentia que precisava ainda agregar algumas competência importantes para seguir com as vendas pelos canais digitais. Esse foi o motivo de não trazer naquele momento uma operação de e-commerce para dentro de casa.

“Demandava uma estrutura e equipes adicionais, além de uma questão logística específica”, avalia. “Optamos por trabalhar com um parceiro full commerce pela experiência e inovação”, explica. Assim, a escolha e estratégia foi feita. A operação continua terceirizada, mas para apenas um fornecedor que conhece todas as etapas do e-commerce, faz a integração entre elas e que constrói, junto com a marca, todo o novo negócio, atendendo cada demanda específica e cuidando da dor de seu cliente.

Soluções digitais

Pela primeira vez em sua história, a Marisol criou uma plataforma própria de venda para que pudesse vender, online, os produtos diretamente aos seus consumidores. Nascia o Clube Marisol, e a escolha se mostrou acertada. “No primeiro ano de operação dobramos o resultado e depois, no ano seguinte, passamos a vender 3 vezes mais”, comemora Maciel.

Hoje, as projeções e expectativas de crescimento continuam porque, uma vez que toda a cadeia do e-commerce está sendo bem cuidada e a operação funcionando, a empresa pode pensar em novos projetos e canais de vendas. “Acho que a grande diferença nessa operação foi a expertise encontrada no fornecedor escolhido, nós não precisamos montar uma estrutura logística dedicada, contratar e gerir equipes de picking, fornecedores de tecnologia ou agências para mídia e performance (isso tudo, a Synapcom oferece). Temos condição de concentrar na inteligência do negócio e na parte estratégica”.

Foi o que fizeram. É por isso que a proposta para este ano é multiplicar por quatro o já ótimo resultado obtido no ano passado. Com tempo para desenvolver esse projeto, a Marisol quer se transformar em um marketplace referência para o mundo infantil. Também com apoio da Synapcom, esse novo caminho já começou a ser trilhado. Hoje, além das marcas próprias, já é possível encontrar outros produtos no Clube Marisol, como toda a linha da Philips Avent e da Pacific. “Vamos primar para isso, trazer marcas que tenham ligação com nosso propósito”.

O olhar para o futuro continua. Atenta ao bom momento para investir nos negócios digitais, a empresa sabe que deve continuar focada nessas soluções. “Queremos aproveitar esse período em que o cliente está se digitalizando e integrar toda nossa rede de lojas físicas. Temos mais de 100 lojas e queremos integrá-las ao nosso e-commerce, temos várias iniciativas de omnichannel que serão lançadas neste ano também”, finaliza.

O objetivo é levar toda a tradição e expertise para longe. O alcance está garantido com essa multiplicação de projetos digitais. E o ano está só começando.

Leia também: O papel do marketplace dentro da estratégia online.

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER