Acesso rápido
  Redação E-Commerce Brasil

8 em 10 brasileiros consideram a segurança dos dados online o mais importante

Segunda-feira, 18 de março de 2019   Tempo de leitura: 3 minutos

Quando o assunto é experiência online, 84% dos brasileiros consideram a segurança dos dados o aspecto mais importante esse resultado é 10 pontos percentuais acima da média global (74%). Outros dois atributos mais valorizados em suas experiências nos canais digitais são a conveniência e a personalização do relacionamento. É o que revela a pesquisa global de Fraude e ldentidade 2019 da Experian. O estudo, que ouviu mais de 10 mil pessoas em 21 países, entre eles o Brasil, também explora como a confiança é criada entre consumidores e empresas no mercado digital.

“Cada vez mais as pessoas exigem transparência e segurança na hora de comprar e se relacionar com as empresas no ambiente digital. Por isso, proteger os dados dos consumidores é essencial para aumentar a confiança deles nas suas experiências online e, assim, possibilitar a consolidação e crescimento dos canais digitais das empresas”, diz o diretor de Produtos de Identidade e Prevenção à Fraude de Decision Analytics da Serasa Experian, Eduardo Castro.

Confiança e transparência no uso das informações pessoais

Segundo a pesquisa, 90% dos consumidores entrevistados em todos os 21 países têm consciência de que suas informações pessoais são coletadas, armazenadas e usadas pelas empresas que operam digitalmente. Ainda, 80% dos clientes mundiais e 88% dos brasileiros entrevistados afirmaram que quanto mais transparente um negócio online demonstra ser, maior será a confiança em transacionar com esta empresa.

Para 70% dos consumidores globais e 56% do Brasil não haveria problema em fornecer mais dados em transações eletrônicas, se isso resultasse em mais benefícios para eles. Além disso, 72% dos brasileiros entrevistados estão dispostos a passar por processos mais completos ao abrir uma conta online se as etapas forem reduzidas nos futuros acessos.

“Segurança, clareza e transparência são essenciais para estabelecer um relacionamento de confiança e fidelidade. O consumidor precisa ter a percepção de que há um interesse, por parte das empresas, na segurança dos dados”, diz Eduardo Castro.

A íntegra da pesquisa 2019 Global Identity and Fraud Report pode ser acessada aqui.

Metodologia

A pesquisa 2019 Global Identity and Fraud Report realizada pela Experian ouviu mais de 10.000 consumidores em 21 países no mundo. Representam 40.000 dispositivos, 85.000 contas virtuais e mais de 480.000 transações eletrônicas realizadas no último ano. Também participaram do levantamento mais de 1.000 empresas com receita anual média de US$ 3,1 bilhões cada. Isso totalizou US$ 3,4 trilhões, dos quais US$ 2,3 trilhões foram gerados por meio de canais digitais.

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.