Redação E-Commerce Brasil

Rappi lança tecnologia para vender medicamentos com receita digital

Terça-feira, 16 de fevereiro de 2021   Tempo de leitura: 1 minuto

O aplicativo Rappi lançou uma tecnologia para intermediar a venda de remédios com receita digital sem a necessidade de o consumidor ir até a farmácia. Inicialmente, o serviço será oferecido apenas pela Drogaria Venancio – a maior rede parceira da empresa no Rio de Janeiro e em Niterói (RJ), que já conta hoje com um alto volume de vendas dentro do aplicativo.

De acordo com a empresa, os planos de expansão da iniciativa incluem outras redes de drogarias localizadas em grandes cidades de todo o Brasil.

Com o serviço, será possível pedir medicamentos com receituário simples em duas vias, como antibióticos, e receituário especial (de acordo com a Resolução nº 357/2020 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e receber a compra em casa em apenas 30 minutos, em média.

Com a iniciativa, o Rappi torna-se o primeiro superaplicativo de intermediação do Brasil a possibilitar que drogarias validem receitas de remédios controlados. As receitas que poderão ser usadas são aquelas que já são aceitas atualmente pela drogaria, como as do Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro (Cremerj) ou da NexoData – startup que é uma das responsáveis pela tecnologia que permite a prescrição de medicamentos de forma digital.

Segundo o presidente da Rappi no Brasil, Sérgio Saraiva, nos últimos meses, por causa da pandemia de Covid-19 e a necessidade de isolamento, a empresa registrou um aumento significativo na demanda por entrega de receitas e itens de farmácias.

Leia também: Rappi inicia atendimento via WhatsApp para usuários Diamante e Prime

Fonte: Mercado e Consumo

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.