Redação E-Commerce Brasil

Pelo segundo ano, o Fórum E-Commerce Brasil realiza Rodadas de Mentoria para lojistas, sob coordenação do STARTUPI

Quarta-feira, 24 de agosto de 2016

O STARTUPI coordenou, pelo segundo ano consecutivo, as Rodadas de Mentoria para Lojistas do Fórum E-Commerce Brasil 2016, sétima edição do evento. O Fórum, que recebeu cerca de 10 mil congressistas no Transamerica Expo Center, em São Paulo, foi anfitrião de mais de 130 mentorias, realizadas por 16 executivos, diretores e representantes de algumas das maiores empresas do Brasil e do mundo.

Tiago Baeta, Sócio-Fundador do E-Commerce Brasil, diz que o comércio eletrônico é o setor que mais cresce no Brasil, este ano, por exemplo, embora o cenário político e econômico do País esteja em um mau momento, o e-commerce tende a crescer cerca de 10%. “Hoje em dia existe um tabu de que criar um e-commerce é fácil, coisa que não é. O lojista precisa de uma estratégia e planejamento muito maior do que em uma loja tradicional, por isso as pessoas nem sempre estão prontas para empreender neste setor”.

Por isso, para Tiago, a importância de possibilitar mentorias dentro de um dos maiores eventos de e-commerce do mundo é fundamental para o sucesso não só do Fórum como um todo, mas para cada um dos pequenos varejistas que participam do evento. “A parceria  com o STARTUPI que traz a mentoria para o Fórum não é importante apenas para sanar dúvidas dos pequenos lojistas, mas também para estabelecer conexões com executivos das grandes lojas do Brasil trazendo para todos uma rede rica de contatos onde todos se ajudam e aprendem juntos, facilitando muito o caminho para quem está começando agora”, destaca Tiago.

Tiago Baeta, sócio-fundador do E-commerce Brasil
Tiago Baeta, sócio-fundador do E-Commerce Brasil

De acordo com Geraldo Santos, Diretor Geral do STARTUPI, o sucesso da primeira edição das rodadas de mentorias foi tão grande, que neste ano, as vagas acabaram em poucos dias. “Para a próxima edição do Fórum, esperamos que essa iniciativa cresça e que o Startupi possa contribuir novamente com o E-Commerce Brasil, reunindo mais mentores e mais empreendedores mentorados, acompanhando sempre o crescimento do evento”, diz.

Um dos motivos pelos quais a área garantiu seu destaque dentro da feira foi a experiência do STARTUPI em mentorias, colocando em prática o know-how adquirido em anos de conexão entre startups e empreendedores mais experientes. “O papel do STARTUPI nesta seção do evento é coordenar as duas pontas: entender quais são as necessidades dos participantes em termos de mentoria e conectá-los aos mentores que estejam mais qualificados para atendê-los com esta necessidade”, explica o diretor.

Aprendizado

German Carmona (vídeo abaixo), Diretor de Comunicação e Marketing Digital da Air France/KLM e mentor no evento, diz que o consumo digital de diferentes países está em momentos diferentes, e que o lojista deve se preparar para encarar todos eles, caso queira internacionalizar sua operação. Ele é responsável da companhia na Argentina, Brasil, Chile e Uruguai. “Aqui no Brasil, o hábito do consumidor de comprar passagens aéreas e organizar suas próprias viagens está amadurecendo cada vez mais. Nos outros países (já citados), o hábito de consumo é diferente, ainda está em ascensão, mas caminha para o mesmo lugar onde o Brasil está hoje em relação à compra online”, diz.

Débora Capobianco, Diretora de Marketing da Privália, acredita que a indústria têxtil e da moda ainda não estão preparadas para aderir ao e-commerce completamente, devido a falta de padronização das empresas do segmento. “Na loja física, o cliente pode experimentar a roupa e descobrir se naquela marca seu tamanho é 38, 40 ou 42. No e-commerce não existe essa possibilidade, o que complica a vida do consumidor, que acaba não comprando certo e a do lojista, porque o índice de devolução é alto nestes casos.”

Débora Capobianco (centro) reunida com duas lojistas mentoradas
Débora Capobianco (centro) reunida com duas lojistas mentoradas

Para ela, a solução para este problema no comércio eletrônico do segmento da moda está em estudar cada vez mais e conversar com quem lidera este mercado, por isso a importância de uma rede de mentores especializados à disposição do lojista. Compartilham desta opinião também Rogério David Carneiro, Sócio da David & Athayde Advogados, e Nádia Amorin, Executiva de Gestão de Riscos da Heed.

“Aqui a gente pode passar um pouco da nossa expertise para quem está enfrentando desafios no negócio, o que pode ser vital para o lojista, já que nós já passamos por isso e podemos compartilhar o conhecimento que este empreendedor precisa”, diz Nádia. “Além do networking, a oportunidade de difundir conhecimento durante as rodadas de mentoria é fantástica. A vantagem da mentoria é que você não precisa aprender errando, você tem a possibilidade de aprender com o erro dos outros”, acrescenta Rogério.

Os mentores Rogério David e Nádia Amorim
Os mentores Rogério David e Nádia Amorim

Além dos mentores acima mencionados, os outros participantes das rodadas de mentoria foram: Jean Makdissi (Intima Store.com), Eric Gallardo (Drogaria Onofre), Eduardo Bento (Loja Elare), Ferdinando Brito (E-Cadeiras), Lígia Mendes (Danone), Ricardo Cabianca (Sepha Perfumaria), Cristiano Chaves (Arezzo & Co), Tiago Batitucci Ferreira, (Lojas Rede), Eduardo Kyrillos (Shop2gether), Eduardo Balbão (West Wing), Fabio Mori (Time 4 Fun), e Paulo César Jeveaux (Wine). Vêm crescendo o número de programas, eventos e iniciativas que aproximam empreendedores de mentores com experiência no mercado para que haja troca de conhecimento e experiências.

O objetivo do mentor é provocar questionamentos, contribuir com novas perspectivas e expertise, além de compartilhar informações relevantes sobre o mercado e também evitar que os novos empreendedores cometam os mesmos erros cometidos por eles no passado. E você, já teve um mentor ou atua como um mentor? Quer nos contar sua experiência e como podemos tornar este momento ainda mais produtivo? Deixe sua opinião abaixo, ou nos envie mais sugestões pelo contato@startupi.com.br.

Por: Marystela Barbosa, Jornalista do Startupi, formada pela FAPCOM – Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação.

Fonte: Startupi

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.