Acesso rápido
  Redação E-Commerce Brasil

Pela primeira vez a publicidade digital nos EUA ultrapassa os R$ 100 bi

Quinta-feira, 09 de Maio de 2019   Tempo de leitura: 2 minutos

Nessa última terça-feira (07/05), um relatório divulgou o maior crescimento na área de publicidade digital em 2018 nos Estados Unidos. A receita bateu os US$ 107,5 bilhões, 21,8% maior que todo o ano de 2017 (US$ 88,3 bilhões). O estudo foi encomendado pela organização comercial IAB (Interactive Advertising Bureau) e conduzido pela consultora PwC.

De 2017 para 2018, a receita publicitária também cresceu na televisão (1,4%) e no rádio (1%). No impresso e revistas, entretanto, houve queda de 6,9% e 2,1%, respectivamente, no mesmo período.

Já na mídia social calculou-se US$ 28,9 bilhões, aumento de 30,6% em 2018. Apesar disso, o relatório mostrou que o valor está abaixo da taxa de crescimento anual acumulado: 46,6% de 2012 a 2018.

Outro estudo da Borrell Associates apontou que a publicidade digital representou 53% do mercado total de anúncios em 2018. A expectativa é que o mercado de anúncios digitais norte-americano cresça 9,2% em 2019, com aumento na participação para 63%.

O relatório da IAB também registrou que:

  • 75% das receitas de publicidade na internet no 4º trimestre de 2018 fazem parte das 10 maiores empresas de venda de anúncios (os nomes das empresas não foram divulgados);
  • segundo a eMarketer, espera-se que o Google tenha 37,2% e o Facebook 22,1% da participação na receita líquida de publicidade digital nos EUA até 2019;
  • mídias móveis e vídeos lideram o aumento do marketing digital, com crescimento de 40% em relação ao ano anterior (2017) — US$ 69,9 bilhões;
  • a receita de publicidade de vídeo digital aumentou de USS$ 11,9 bilhões (2017) para US$ 16,3 bilhões (2018).

Regulamentação

Elizabeth Warren, senadora democrata de Massachusetts, Estados Unidos, divulgou em março um plano com medidas que afetam gigantes da tecnologia, como a Amazon e o Facebook, que “oferecem ao público um mercado online, uma troca ou uma plataforma para conectar terceiros“. Ou seja, empresas que desempenham papel duplo de administrar o mercado e vender seus produtos, criando “conflitos e interesse”.

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.