Acesso rápido
  Redação E-Commerce Brasil

Para millenials, ter um smartphone é tão importante quanto ter um plano de saúde

Sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Segundo o estudo “Jovens Digitais: Geração Transformadora” realizado pela MindMiners em parceria com o Centro de Inteligência Padrão – CIP, vemos que a maior parte desta geração (70%) considera a adoção de crianças pelo público LGBT uma tendência positiva para a sociedade, questionando justamente a magnitude das manifestações preconceituosas e desiguais que permeiam nossa sociedade.

Uma grande parcela (40%) dos entrevistados acreditam ser positiva uma tendência de desvinculação religiosa (isso é, a tendência de mais pessoas estarem desassociadas de qualquer religião) e, portanto, dos princípios de uma sociedade conservadora em relação à liberdade de pensamento e de expressão.

Ainda assim, 30% dos entrevistados indicaram ser uma tendência ruim as pessoas estarem cada vez mais desvinculadas de qualquer religião.

A respeito de programas sociais do governo cerca de 31% dos entrevistados aprovam tais políticas e 23% as aprovam totalmente, somando 54% aqueles que apoiam em algum nível os programas sociais do governo brasileiro.

Por fim e não menos importante, há o questionamento das relações digitais para esta geração, que sem sombra de dúvidas tem como seu instrumento essencial a internet, a maior facilitadora de propagação das informações na sociedade atual. É interessante notar que 64% dos Millennials afirmam que as pessoas compartilham muita informação pessoal na internet, porém, ao serem questionados sobre seus próprios hábitos de compartilhamento na internet, apenas 4% afirmam compartilhar muita informação.

No estudo realizado pela MindMiners em parceria com o Centro de Inteligência Padrão, é possível visualizar quais são as pretensões dos Millennials em termos de tipo de emprego ou empresa com que desejam atuar.

Dos participantes que pretendem mudar de emprego no futuro, 51% pretende seguir pelo ramo do empreendedorismo e negócio próprio. Por outro lado, 39% prefere atuar em empresas de tecnologias, que também estão em alta por causa da quantidade de startups que estão surgindo, e 38% visa grandes corporações.

E o que uma empresa deve oferecer aos Millennials em termos de cultura e valores?

Entendendo com mais propriedade as opiniões sobre o mercado de trabalho sob a ótica desta geração, vemos que 85% dos respondentes concordam que as empresas são importantes para a sociedade, entretanto 34% dos Millennials que trabalham atualmente discordam da ideia de que as empresas atuam de forma ética, principalmente por acharem que seu único interesse seja maximizar lucros.

As empresas atuam de forma ética - estudo millenials

Na análise do ponto de vista dos entrevistados, foram identificados três principais valores que as empresas devem perseguir para terem sucesso no longo prazo: (i) foco na qualidade de seus produtos e serviços (63%), (ii) foco na satisfação do cliente (54%) e (iii) foco na satisfação de seus funcionários (53%).

valores empresas - pesquisa millenials

Millenials sobre consumo

Neste tópico, vemos mais especificamente o comportamento do Millennial consumidor, que sem dúvida representa um termômetro para a atividade econômica do país. Mesmo com a globalização e aumento da penetração dos meios digitais, é interessante observar as prioridades do consumo desta geração.

Possuir uma residência é para 92% dos Millennials importante ou muito importante, seguida por 76% que indicaram ser importante ou muito importante possuir um plano de saúde. Curiosamente, um smartphone é indicado por 74% dos respondentes pelos mesmos critérios de importância, ficando na mesma linha que um plano de saúde (76% vs. 74%, respectivamente).

Outro ponto a se destacar e um tremendo desafio para os varejistas é o novo comportamento de compra em lojas físicas, em especial devido à multicanalidade no momento da compra. Cerca de 59% dos Millennials afirmam comparar preços pelo celular enquanto estão na loja, antes de decidirem se irão realizar a compra de fato.Comparar precos no celular antes de comprar - pesquisa millenials

Outras tendências se manifestam ao redor do comportamento do consumidor, como a preferência de 46%, de frequentarem lojas que possuam programas de vantagens e benefícios.

Isto mostra, sobretudo, o crescimento cada vez mais acelerado da importância dos mecanismos digitais na atividade econômica.

Preferencia por lojas que oferecam vantagens e beneficios

 

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.