Redação E-Commerce Brasil

Novo ministro promete investir em ferrovias em resposta à greve de caminhoneiros

Segunda-feira, 28 de Maio de 2018   Tempo de leitura: 2 minutos

O novo ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Ronaldo Fonseca, empossado pelo presidente Michel Temer nesta segunda-feira (28), disse que o governo planeja três leilões de ferrovias ainda este ano após a greve dos caminhoneiros.

Para Fonseca, o Brasil precisa acabar com a dependência do transporte rodoviário. “O segundo semestre será o momento das ferrovias no Brasil”, afirmou.

Fonseca falou com a imprensa após a cerimônia de posse. Ele disse que encomendou um estudo sobre a reorganização dos modais ferroviários no Brasil. O novo ministro afirmou ainda que existem leilões para as ferrovias Norte-Sul, Leste-Oeste e Ferrogrão.

“Começamos a dar grandes passos em direção a estudos para organizarmos os modais no Brasil para não ficarmos nessa dependência total que temos hoje dos rodoviários. A secretaria-geral já tem estudos prontos, três leilões, prontos pra sair. O Tribunal de Contas da União [TCU] está fazendo os estudos e vamos avançar nesse tema”.

Ele acrescentou que a Secretaria-geral da Presidência já realiza estudos sobre modais de transporte no Brasil há dois anos, mas não explicou o que poderá sair do papel nos seis meses que resta de governo.

Greve dos caminhoneiros

A greve dos caminhoneiros, iniciada em 21 de maio, já completa oito dias nesta segunda-feira (28). Segundo levantamento da Polícia Rodoviária Federal (PRF), hoje restavam 594 pontos de interdição em vias federais.

De acordo com Renato Antonio Borges Dias, diretor-geral da PRF, foram liberados 742 pontos desde o início da paralisação e, após a liminar concedida ao governo – que autoriza as Forças Armadas a tomar o controle de caminhões -, 14,6 milhões de litros de combustível foram escoltados para aeroportos e abastecimento de serviços essenciais.

Já o presidente Michel Temer disse, na posse do ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, ter “absoluta convicção” de que a greve acabará nesta terça-feira (29).

Com informações da Agência Brasil

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.