Redação E-Commerce Brasil

Nova York processa Amazon por tratamento de trabalhadores durante pandemia

Quinta-feira, 18 de fevereiro de 2021   Tempo de leitura: 1 minuto

A procuradora-geral de Nova York, Letitita James, entrou com ação judicial contra a Amazon em que acusa a varejista online de não fazer o suficiente para proteger do coronavírus os trabalhadores no estado americano.

Na semana passada, a companhia havia processado a procuradoria-geral para impedir que o estado agisse legalmente contra a empresa sobre sua gestão da segurança dos trabalhadores durante a pandemia e a demissão de um de seus funcionários de um armazém no ano passado.

“Ao longo da pandemia histórica, a Amazon falhou repetida e persistentemente em cumprir sua obrigação de instituir medidas razoáveis e adequadas para proteger seus trabalhadores da propagação do vírus em suas instalações em Nova York”, escreveu James, em uma queixa apresentada na Suprema Corte do estado.

Por meio de um porta-voz, a gigante do comércio online disse que não “acredita que o processo da procuradora-geral apresenta uma imagem precisa da resposta líder no setor da Amazon à pandemia”.

Leia também: Cielo começa a aceitar pagamentos por meio de reconhecimento facial

Fonte: Broadcast Estadão

 

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.