Redação E-Commerce Brasil

Para fundador da Mormaii, máquinas podem dominar o ser humano no futuro

Sexta-feira, 17 de agosto de 2018   Tempo de leitura: 3 minutos

Expansão da consciência. Para Morongo, o lendário médico surfista que fundou a Mormaii há mais de 40 anos, esse conceito traz a chave para o sucesso do próximo salto evolutivo do ser humano. “Se você, nos seus relacionamentos e na sua empresa, não está aumentando o seu nível de consciência, está perdendo tempo”, sentenciou durante palestra no Fórum E-Commerce Brasil 2018.

Morongo, da Mormaii, falou sobre expansão da consciência e os saltos holárquicos

Em sua apresentação sobre saltos holárquicos, Morongo trouxe reflexões que são um verdadeiro contraponto à cultura de muitas corporações. “Esse termo representa algo hierárquico que se coloca acima de um sistema preexistente”, explicou.

Para exemplificar, ele contou que o primeiro salto holárquico ocorreu quando os seres humanos deixaram de ser caçadores e coletores e passaram a ser agricultores, formando as primeiras comunidades fixas.

“A cada salto holárquico, no entanto, paga-se um preço”, avisou, mencionando que o pagamento para esse primeiro evento são os problemas das grandes cidades enfrentados atualmente. “Todos passam por esse processo, pessoas, empresas, tecnologia.”

Expansão da consciência: caminho para um mundo melhor

“O preço para a quarta revolução industrial, que vivemos hoje, pode ser o domínio das máquinas sobre os homens”, advertiu Morongo.

Na sua opinião, algumas empresas correm o risco de transformar uma parcela da população em cidadãos de “segunda categoria”, fazendo com que uns fiquem muito bem socialmente em detrimento de outros. “Só podemos nos proteger disso por meio da expansão da consciência”, disse. “Não há mais espaço para o Me, Myself and I [eu e eu mesmo, em tradução livre], todos devem trabalhar em conjunto.”

Questionado sobre qual seria o próximo salto holárquico do Brasil, ele respondeu que, primeiramente, é preciso vencer a etapa pela qual o país passa neste momento. E reiterou: “O grande passo que devemos dar é a expansão da consciência”.

Para o fundador da Mormaii, existem três possibilidades para os seres humanos: ou serão parasitados pelas máquinas, ou extintos por elas, ou vão assumir um relacionamento simbiótico.

“As mitocôndrias têm DNA independente, mas vivem em simbiose conosco, e talvez o nosso caminho com as máquinas possa ser semelhante”, refletiu. “O importante, no entanto, é se dar conta que é impossível parar os saltos holárquicos”, finalizou.

Por Marina Rodriguez, especial para o E-Commerce Brasil

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.