Acesso rápido
  Redação E-Commerce Brasil

Plataforma na Índia arrecada US$ 125 milhões para expandir seu negócio de comércio social

Quarta-feira, 14 de agosto de 2019   Tempo de leitura: 2 minutos

A Meesho é uma startup de comércio social sediada em Bangalore, na Índia. Recentemente, ela levantou US$ 125 milhões em uma nova rodada de financiamento para expandir seus negócios no país e mudar o formato de milhões de lojas online.

A rodada da Série D foi liderada pela Naspers, com os investidores SAIF, Sequoia, Shunwei Capital, RPS e Venture Highway. O Facebook também participou, assim como Arun Sarin, ex-CEO do Vodafone Group.

A Meesho é um mercado online que conecta vendedores a clientes em plataformas de mídias sociais — como WhatsApp, Facebook e Instagram. A startup afirma ter uma rede de mais de 2 milhões de revendedores, de 700 cidades, que lidam principalmente com itens de vestuário, eletrodomésticos e eletrônicos.

Grande parte dos revendedores são donas de casa que, em sua maioria, comprou um smartphone pela primeira vez nos últimos anos. Oitenta por cento da base de usuários do Meesho é do sexo feminino.

A empresa disse que usará o capital para expandir seu alcance no país e adicionar até 18 milhões de novos vendedores até o final do próximo ano. “O investimento mais recente também fortalecerá o objetivo da Meesho. Nesse caso, de aumentar sua comunidade de mulheres empreendedoras que sonhavam em administrar seus próprios negócios, mas precisavam de fundos e experiência para fazê-lo”, explicou.

Mais de 90% das empresas na Índia ainda estão offline e desorganizadas. Segundo Vidit Aatrey, co-fundador e CEO da Meesho, a ideia é fazer com que esse negócios — em sua maioria sem capital de giro — também vendam online.

“Estou orgulhoso que a Meesho atravessou o gênero, os níveis de educação, os apetites por risco e as vocações para criar meios de subsistência para pessoas sem investimento próprio. Nossos vendedores sociais são pequenos varejistas, mulheres, estudantes e cidadãos aposentados. 70% são donas de casa que encontraram liberdade financeira e uma identidade comercial sem ter que sair de suas casas”, disse Aatrey em uma entrevista ao TechCrunch.

A Meesho também planeja usar os novos fundos para aumentar ainda mais sua plataforma de tecnologia a fim de acomodar novas linhas de produtos.

“O crescimento fenomenal que eles já estão experimentando mostra que a Meesho atingiu um ponto positivo no mercado. Assim, deixa claro que está bem preparada para atender os próximos 500 milhões de compradores online no país”, afirmou Ashutosh Sharma, diretor da India Investments, Naspers Ventures.

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.