Projeto mantido por:

  Redação E-Commerce Brasil

Do marketplace para a sua garagem: Luciano Ávila, Head de Marketplace Motors do Mercado Livre fala com o ECBR

Sexta-feira, 24 de dezembro de 2021   Tempo de leitura: 7 minutos

Comprar um carro nas décadas de 1980 e 1990 exigia toda uma espécie de ritual. Depois de finalmente conseguir juntar o dinheiro ou ter um financiamento aprovado, a pessoa ia até várias concessionárias, conhecia cada um dos veículos e saía com um sorriso enorme ostentando a chave e a grande conquista sonhada.

Agora imagine fazer tudo isso pela Internet? Em 2021, é possível aprovar um financiamento online, escolher o veículo online, fechar a compra e ainda receber em casa o seu mais novo carro.

O mercado de auto invadiu inclusive os grandes players. Hoje, o Mercado Livre, o maior marketplace da América Latina, possui uma área exclusiva para anúncios de veículos e imóveis. Chamada de Marketplace de Veículos, Imóveis e Serviços (VIS), funciona como espécie de classificados.

Para entender melhor todo o processo, o E-Commerce Brasil convidou o Head de Marketplace Motors do Mercado Livre, Luciano Ávila, para a edição 62 da nossa revista.

E-Commerce Brasil: O mercado de automóveis é um dos que mais crescem no e-commerce ano a ano. Quais as principais dificuldades enfrentadas nesse segmento?

Luciano Ávila: Assim como os mais diversos ramos de atividades, o setor automotivo enfrentou grandes adversidades em 2020. As incertezas econômicas, impulsionadas, sobretudo, pela crise sanitária deflagrada pelo novo coronavírus, afetou a confiança do consumidor e mudou os planos de muitos. Contudo, já observamos uma retomada no último trimestre do ano. Observamos um aumento de 38% na busca por veículos na plataforma do Mercado Livre, se compararmos ao segundo trimestre, o período do ano mais impactado pela pandemia.

ECBR: Antigamente, existia um certo medo nos consumidores em comprarem produtos da categoria de automóveis online, por conta do custo mais alto e da demora nas entregas. O que foi feito para que esse sentimento mudasse?

LA: Hoje a tecnologia tem sido muito bem recebida por diversos setores, e o automotivo é um deles. A busca por veículos online é muito comum e faz parte da jornada de compra de grande parte dos compradores.

Como a seção de veículos do Mercado Livre é uma plataforma de anúncios e intermediação – entre vendedor e comprador -, os valores de frete e entrega são debatidos diretamente com os vendedores. Antes da concretização do negócio, ambas as partes (comprador e vendedor) decidem todas essas questões, para que, em consenso, cheguem a um bom contrato.

ECBR: Como funciona a logística do setor de automóveis dentro de um marketplace? Há processos diferentes? 

LA: A seção de veículos, denominada como Marketplace de Veículos, Imóveis e Serviços do Mercado Livre (VIS), funciona, basicamente, como um classificado. Isso significa que pessoas físicas, concessionárias, lojas e montadoras anunciam seus carros, motos ou caminhões à venda na plataforma, mas a negociação é feita diretamente entre o comprador e o próprio vendedor, então não há envolvimento da logística. 

ECBR: Quais os modelos de veículos mais buscados recentemente?

LA: A marca mais buscada na plataforma em 2020 foi a Chevrolet, que se destacou e foi a montadora com maior número de visitas para veículos novos e seminovos, seguida de perto pela Volkswagen. A Fiat ficou na terceira posição. Os modelos (0Km e usados) mais procurados em 2020 foram: Honda Civic e Volkswagen Gol. E o Toyota Corolla registrou crescimento na busca nos dois últimos meses do ano.

ECBR: Você nota alguma diferença do consumidor de automóveis para outros produtos vendidos no marketplace?

LA: O consumidor que trafega no marketplace espera a finalização de uma compra e passa por todos os momentos,desde a descoberta do produto até o pagamento e finalização, para então o esperado recebimento.

Quando analisamos o consumidor que busca por automóveis, podemos notar que ele ainda possui uma jornada de compra híbrida. Ou seja, grande parte de sua procura ocorre no online, mas a concretização do negócio ainda é offline. Com parcerias com os bancos Itaú, BV e Santander, nós favorecemos a jornada desse usuário, que tem a possibilidade de simular e aprovar o seu financiamento dentro da própria plataforma do Mercado Livre.

Outro ponto importante é que o comprador de automóveis aprecia bons detalhes nas observações do veículo, fotos nítidas e uma resposta rápida da loja ou concessionária.

ECBR: Há diferenças na construção do catálogo para sellers de automóveis?

LA: Assim como no marketplace, a seção de VIS vem realizando um sólido e importante trabalho de concretizar significativas parcerias com grandes lojas, concessionárias e montadoras com o intuito de gerar diversidade nas ofertas para o consumidor. Nosso objetivo é unir todas as mais respeitadas empresas do setor em um só lugar, oferecendo ao usuário a possibilidade de escolha e, sobretudo, garantindo a ele segurança e confiança em suas negociações.

Por Gustavo Freitas, da Redação do E-Commerce Brasil

Este texto foi retirado da Edição 62 da Revista E-Commerce Brasil, publicada em abril

Leia também: iFood respondeu por 0,43% do PIB nacional, diz Fipe

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER