Redação E-Commerce Brasil

Marketing Digital de Performance gera receita para grandes empresas no comércio eletrônico

Quinta-feira, 11 de fevereiro de 2021   Tempo de leitura: 5 minutos

As vendas via e-commerce vêm crescendo em um ritmo acelerado nos últimos anos e tiveram um impulso ainda maior durante a pandemia. De acordo com um estudo da Câmara Brasileira da Economia Digital e da Neotrust, o crescimento no acumulado do ano até novembro foi de 122%, no comparativo com o mesmo período de 2019.

Segundo Douglas Dantas, Head of Marketing na GhFly, empresa de marketing digital com foco em performance, “a trilha de crescimento das compras online continua evoluindo e garantindo seu espaço de destaque no varejo”. Uma das principais datas a reforçar o importante papel do e-commerce em 2020 foi a Black Friday, completa Dantas.

Douglas Dantas, Head of Marketing na GhFly

Somente nos dias 26 e 27 de novembro, as vendas totais no comércio eletrônico ultrapassaram os R$ 4,02 bilhões, o que significa uma alta de 25% em relação ao ano anterior, segundo levantamento da Ebit|Nielsen. Ainda foram 6 milhões de pedidos gerados, o que representa 15,5% a mais do que em 2019, com ticket médio de R$ 652.

Alavanca para as vendas

O cenário animador fez com que grandes empresas aproveitassem a Black Friday para reforçar o faturamento do ano. Para isso, apostaram no marketing digital, com estratégias para conquistar novos clientes e aumentar a conversão em vendas. Especializada em marketing de performance, a GhFly ajudou diversas varejistas a multiplicarem seus resultados no período.

A Ferracini, tradicional empresa que atua no mercado de calçados e acessórios masculinos no Brasil, teve um incremento de 242% na receita no mês de novembro.

Outra importante organização que possui bons motivos para comemorar é a Fini, líder no segmento de balas de gelatina no país. Por conta de todo trabalho realizado pela GhFly, a empresa alcançou 155% da meta de geração de receita via e-commerce na Black Friday.

A B.blend Brastemp, primeira solução de plataforma de bebidas em cápsulas all.in.one do mundo, é mais uma empresa que soube utilizar as soluções e estratégias de marketing digital da GhFly para alavancar o comércio eletrônico.

Em 2020, a companhia teve um crescimento de 87% na venda de máquinas e de 54% na de cápsulas. Apenas contando a Black Friday, a alta geral, em relação ao mesmo período de 2019, foi de 82%.

Comércio eletrônico seguirá tendência de alta neste ano de 2021

Mesmo com certo afrouxamento das medidas de isolamento social e a chegada da vacina, a projeção é de que o comércio eletrônico siga em alta. As vendas do e-commerce brasileiro em 2021 devem crescer 26%, atingindo um faturamento de R$ 110 bilhões, apontam dados da Ebit|Nielsen. A pesquisa realizada no quarto trimestre de 2020 indicou, ainda, que 95% dos respondentes pretendem continuar comprando via internet.

Para Douglas Dantas, da GhFly, o movimento das compras online não é passageiro, mas sim uma tendência que se acentuou com a pandemia e deve continuar em uma crescente em um futuro próximo.

“Para aquelas organizações que ainda não entenderam esse mercado ou não apostaram nele, essa é a hora. Empresas de marketing digital e de performance podem ser boas aliadas para construir as melhores estratégias para captação e fidelização de clientes. Conhecendo seu público, fica muito mais fácil transformar dados e planilhas em ações pertinentes e assertivas para aumentar os resultados”, conclui o executivo.

Leia também: Em ano de pandemia, alimentos estreia em 3º lugar no Mapa da Fraude.

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.