Redação E-Commerce Brasil

Conceito x realidade: lojistas mostram conhecer tecnologias, mas nem sempre as aplicam no e-commerce

Segunda-feira, 23 de agosto de 2021   Tempo de leitura: 3 minutos

Pesquisa da Nuvemshop em parceria com o E-Commerce Brasil levantou dados para ajudar a entender o futuro do e-commerce no Brasil. 

Perfil dos respondentes e canal de venda

Quando questionados sobre o canal de vendas, 92% responderam que vendem pelo site e 33% por marketplaces. Os respondentes podiam assinalar mais de uma alternativa. 

Quando o assunto são as redes sociais, 61% afirmaram vender pelo Instagram, 28% pelo Facebook e 57% pelo WhatsApp. 

Já no quesito de venda física, 26% afirmaram vender em loja, 5% por showroom e 8% em feiras.

Suporte técnico

A pesquisa comparou a quantidade de lojistas que afirmaram conhecer elementos de suporte ao e-commerce contra a quantidade dos que usam alguma das automações de fato:

55% afirmaram conhecer o suporte automatizado cliente, porém apenas 13% fazem uso dele. 

Outras comparações entre conhecimento e uso:


Modelo de negócios

A pesquisa questionou também os respondentes sobre quais modelos de negócios os lojistas conhecem e aplicam em seus e-commerces.

Outras comparações sobre modelo de negócios:

Dia a dia da operação

Por fim, a pesquisa analisou elementos do dia a dia da operação de e-commerce. Um dos dados da pesquisa que mais chamou a atenção foi com relação a logística reversa, elemento que a maior parte dos lojistas já tem implementado em seu negócio: 44% contra 78% dos que afirmaram já terem ouvido falar.

A prática de comprar online e retirar na loja também é um elemento da operação adotado por boa parte dos lojistas: 32% contra 77% que já conheciam a prática.

Confira outras comparações entre conhecimento e aplicação levantadas pela pesquisa. 

Leia também: Praticidade e preço são os principais motivadores de compra em aplicativos de entrega.

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER