Acesso rápido
  Redação E-Commerce Brasil

Contas do Mercado Pago terão rendimento diário, inclusive para lojistas

Quarta-feira, 05 de dezembro de 2018   Tempo de leitura: 3 minutos

O Mercado Pago anunciou, nesta quarta-feira (5), que os clientes – tanto pessoas físicas quanto varejistas do Mercado Livre – terão o saldo das suas contas corrigido diariamente pelo Tesouro Nacional. A novidade já estava disponível em regime de teste e começará a ser difundida nesta semana aos demais usuários, inclusive lojistas do marketplace.

Segundo Tulio Oliveira, diretor do Mercado Pago no Brasil, a empresa vai começar a repassar os rendimentos que já incidiam sobre o dinheiro nas contas – por determinação legal, eles são obrigados a investir todo o montante no Tesouro Nacional, de acordo com Oliveira.

Não haverá cobrança de taxas nem prazo para resgate das aplicações. O rendimento é de 5,22% ao ano.

“Olhando para as nossas soluções, vínhamos trabalhando bastante os fluxos de recebimento [por exemplo, pagamentos das vendas no Mercado Livre]. Também [estávamos bem] no fluxo de saídas. O que faltava era dar um rendimento a essas contas”, afirmou o diretor.

Tudo em um

Este é mais um dos passos da empresa para transformar a carteira em uma espécie de “item indispensável” aos 2,5 milhões de clientes, sejam eles vendedores ou não.

Em setembro, o braço de transações do Mercado Livre lançou a ferramenta de QR Code, que permite o pagamento por meio do celular em lojas físicas. Já no fim de outubro, o Mercado Pago recebeu autorização do Banco Central para atuar como instituição de pagamento.

Entre prioridades do Mercado Pago em 2019 está a difusão do pagamento por QR code
Entre prioridades do Mercado Pago em 2019 está a difusão do pagamento por QR code

Antes, já era possível pagar contas e boletos, fazer transferências entre pessoas, recargas de celular e Bilhete Único diretamente pelo aplicativo, ou usar o cartão pré-pago para movimentar saldo.

Segundo Oliveira, a utilização massiva da carteira virtual – também conhecida como e-wallet – e das máquinas em pontos de venda estará no foco da empresa em 2019. “Essas ações permitem que a gente caminhe para [um cenário em que] o cliente possa usar o Mercado Pago para todas as necessidades”, concluiu.

Por Caio Colagrande, da redação do E-Commerce Brasil

Deixe seu comentário

1 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

O projeto E-Commerce Brasil é mantido pelas empresas:

Oferecimento:
Hospedado por: Dialhost Transmissão de Webinars: Recrutamento & Seleção: Dialhost Métricas & Analytics: MetricasBoss

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.