Redação E-Commerce Brasil

Para Jaden Smith, jovens precisam se envolver na luta pelo meio ambiente

Terça-feira, 05 de novembro de 2019   Tempo de leitura: 3 minutos

Há décadas, o mundo fala sobre escassez de água e da necessidade de preservar nascentes, rios, lagos e mares. Nesta segunda-feira (4), o cantor, ator e empresário Jaden Smith, fundador da Just Water, contou a sua relação com o meio ambiente e como um dia de surf o fez começar a defender a natureza.

No palco do Web Summit 2019, em Lisboa, ele se juntou a Gary White, cofundador e presidente executivo da Water.org & WaterEquity, e Paul O’Callaghan, fundador da Blue Tech Research e produtor executivo do documentário Brave Blue Word, que tem dado o que falar.

Jaden Smith fundou a Just Water aos 11 anos e participou do documentário Brave Blue World/Divulgação
Jaden Smith fundou a Just Water aos 11 anos e participou do documentário Brave Blue World/Divulgação

No painel “Saving the planet, one drop at the time” (“Salvando o planeta, uma gota por vez”, em tradução literal), Smith, filho do famoso ator Will Smith, contou que teve a ideia de abrir sua empresa depois de avistar uma garrafa de plástico descartada no oceano enquanto surfava na adolescência.

“A água sempre foi importante para mim desde jovem. Aos 11 anos, lancei a Just Water. Foi assim que comecei a preocupar-me mais sobre este recurso e, depois de um telefonema do Paul O’Callaghan, acabei por entrar neste documentário. 95% da água que usamos é desperdiçada” alertou o cantor.

Gary e Paul, do documentário Brave Blue World, participaram de painel no Web Summit 2019, em Lisboa/Divulgação
Gary e Paul, do documentário Brave Blue World, participaram de painel no Web Summit 2019, em Lisboa/Divulgação

A Just Water implantou um sistema móvel de tratamento de água que ajudou comunidades a remover chumbo da água em Flint, Michigan (EUA), a uma taxa de dez galões por minuto.

“Ver o oceano poluído durante a prática de surf me fez iniciar uma jornada para aprender sobre o meio ambiente. Eu fiquei tipo ‘uau, isso é tão inovador’. Eu queria causar um impacto. Comecei a aprender sobre o meio ambiente, sobre plástico, sobre dióxido de carbono”, explicou.

Smith, que tem apenas 21 anos, disse também que fica muito contente em ver o envolvimento de jovens em causas ambientais. Na sua opinião, o jovem precisa participar das discussões sobre o tema, incluindo o empreendedorismo. “Água é tudo”, disse ele. “É um recurso tão especial. Todos nós temos que nos preocupar com isso”, finalizou.

Por Vivianne Vilela, diretora executiva do E-Commerce Brasil, enviada especial para o Web Summit 2019

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.