Acesso rápido
  Redação E-Commerce Brasil

Hesitação do Google à adesão do GDPR europeu preocupa os pequenos editores

Terça-feira, 19 de junho de 2018   Tempo de leitura: 4 minutos

O Google espera, em breve, se enquadrar à Estrutura de Transparência do IAB europeu, que transmite o consentimento em todo o ecossistema de tecnologia de publicidade para veicular anúncios baseados em dados de usuários.

O gigante das buscas informou que se juntará assim que resolver os detalhes técnicos e de política, para que partes de sua tecnologia de anúncios possam operar com a estrutura. “Nós absolutamente queremos fazer parte da estrutura do IAB e planejamos nos registrar”, disse Scott Spencer, diretor de gerenciamento de produtos do Google, à AdExchanger.

Ainda há detalhes importantes e desconhecidos, como o tempo até que o Google resolva suas discrepâncias com o IAB, se ele integrará seu DSP do DoubleClick Bid Manager — e não o fornecimento do DoubleClick for Publishers (DFP) — e se ingressará apenas como fornecedor ou incorporará seu serviço de consentimento como uma plataforma de gerenciamento de consentimento registrada pelo IAB.

Independentemente disso, adicionar o Google à lista de Transparência e Estrutura de Consentimento é um próximo passo importante para todo esse esforço, que de outra forma está isolado das reservas de inventário e demanda do gigante.

O Google colaborou parcialmente com a indústria de tecnologia de anúncios em conformidade com o GDPR. Ele faz parte do comitê da diretoria da Transparência e do Esquema de Consentimento e também conectou seus serviços de dados e relatórios primários centrados em privacidade, o Ads Data Hub, com fornecedores como Adform e Sizmek.

Algumas pessoas do setor, entretanto, estão preocupadas com o fato de o Google estar usando o GDPR como cobertura para obter benefícios competitivos. Ele pode, nesse caso, estar restringindo a ID do anúncio da DoubleClick à sua plataforma e reduzindo o número de fornecedores externos que os editores do DoubleClick for Publishers podem empregar para a publicidade orientada por dados. Se o Google mantivesse sua pilha de tecnologia separada do enquadramento da IAB europeia, isso representaria outro golpe para a competição de tecnologia de anúncios.

“Muitos dos clientes (editores) da AppNexus estão testando a estrutura, por exemplo. Mas não estão anunciando publicamente seu apoio devido à ampla sensibilidade e incerteza em relação à GDPR e à hesitação do Google em apoiar a estrutura”, disse Julia Shullman, vice-conselheira geral da AppNexus e presidente do grupo de orientação do Consenso e Transparência do IAB europeu.

“Justa ou não, a hesitação do Google em aderir à Estrutura de Transparência e Consentimento prejudicou a indústria”, disse John Potter, CTO da empresa de mídia B2B Purch. Tal qual Axel Springer, Schibsted Media e a BuzzFeed, a Purch é uma das poucas editoras a apoiar o enquadramento.

“Muitos editores norte-americanos, especialmente os menores, sem investimentos significativos em compliance, observam o Google como uma espécie de ‘cata-vento’ do GDPR”, afirmou Potter. Ele finalizou dizendo que “esses editores se juntarão à estrutura da IAB Europa somente após o Google sinalizar que aprovou sua auditoria interna de publicidade online”.

Por James Hercher, via AdExchanger.

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

O projeto E-Commerce Brasil é mantido pelas empresas:

Oferecimento:
Hospedado por: Dialhost Transmissão de Webinars: Recrutamento & Seleção: Dialhost Métricas & Analytics: MetricasBoss

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.