Acesso rápido
  Redação E-Commerce Brasil

Engajamento é fundamental para e-mail marketing, mostra pesquisa da Return Path

Quinta-feira, 29 de março de 2018   Tempo de leitura: 4 minutos

Pelo terceiro ano consecutivo, a Return Path, provedora global de soluções de dados, lançou o relatório “As métricas ocultas da entregabilidade de e-mails“, produzido com base no comportamento de clientes diante de mensagens comerciais.

O estudo apresenta taxas de sete métricas de e-mail marketing: entrega em pasta de spam, leitura, exclusão sem leitura, resposta, encaminhamento, reclamação e marcação como “não é spam”.

“Juntas, essas ações dizem muito sobre o engajamento de clientes e auxilia os profissionais de e-mail marketing a definir e redefinir estratégias de campanha”, ressalta Rafael Viana, Estrategista de Email Senior da Return Path.

“Nos últimos anos, os sinais de engajamento dos assinantes tornaram-se um fator crítico na filtragem de e-mails indesejados, principalmente por parte de grandes provedores, como Microsoft, Google e Yahoo!”, afirmou Tom Sather, diretor sênior de pesquisa da Return Path. “Constantemente, esses provedores têm buscado melhorar a experiência do cliente e refinar sua capacidade de entregar apenas mensagens desejadas na caixa de entrada dessas pessoas”, completou.

A seguir, estão as principais conclusões da terceira edição do relatório:

Pasta de spam tem recebido mais mensagens – Pelo terceiro ano consecutivo, o índice de mensagens entregues na caixa de spam aumentou, passando de 12% em 2015, para 12,5% em 2016 e agora 13,5% em 2017.

Consumidores demonstram mais atenção às mensagens classificadas erroneamente – Os consumidores estão mais dispostos do que nunca a resgatar mensagens da pasta de spam, como demonstra o aumento da taxa “não é spam”, de 0,03% em 2015, para 1,04% em 2016 e 1,77% em 2017.

Menos spam, mais leitura – As indústrias com a menor taxa de mensagens marcadas como spam (bancário e financeiro, fabricação e distribuição e seguros) também superaram quase todas as demais no quesito leitura, importante para medir o engajamento dos assinantes.

Taxa de spam varia por indústria – A quantidade de e-mail entregue na pasta de spam variou significativamente entre as indústrias. Por exemplo, de apenas 3,5% para os remetentes em fabricação e distribuição para 23,7% para educação, instituições sem fins lucrativos e governo.

Mais leitura antes da exclusão – O estudo mostra uma ligeira queda na taxa de leitura de e-mails, de 22,2% em 2016 para 21,5% em 2017. Porém, também houve queda no índice de pessoas que deletam as mensagens sem terem lido: de 12,5% em 2016 para 11,9% em 2017.

“Embora os dados de engajamento possam fornecer informações únicas para ajudar os profissionais de marketing a melhorar o relacionamento com os clientes, muitos executivos de marketing têm ignorado essas métricas”, reforça Sather. “Por meio de soluções próprias, a Return Path oferece às marcas uma ampla visão real sobre como pessoas interagem com campanhas de e-mail marketing”, finaliza.

O estudo “As métricas ocultas da entregabilidade de e-mails” está disponível para download gratuito no site da Return Path.

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.