Acesso rápido
  Redação E-Commerce Brasil

E-commerce deixou de faturar R$ 407 mi durante greve dos caminhoneiros, diz Ebit

Segunda-feira, 04 de junho de 2018   Tempo de leitura: 2 minutos

Durante os 11 dias da greve dos caminhoneiros, o e-commerce brasileiro deixou de faturar R$ 407,2 milhões, apontou a Ebit nesta segunda-feira (4).

Neste período, a estimativa é que 861.710 pedidos deixaram de ser feitos pelos consumidores, queda média diária de 20% nas vendas se comparado com os mesmos dias das semanas pré-paralisação.

Além do Dia das Mães, principal data do calendário do varejo eletrônico no primeiro semestre, que registrou alta nominal de 12% na comparação do ano passado, as vendas no e-commerce estavam bastante aquecidas, impulsionadas pela proximidade da Copa.

“É um período muito bom para as vendas de TVs, que possuem tíquete médio mais alto e isso impacta positivamente no faturamento do setor. Com a greve, o consumidor ficou com receio de comprar e não ter a certeza quando o equipamento chegaria. Essa incerteza que gerou a retração nas vendas”, explicou André Dias, diretor executivo da Ebit.

Luz no fim do túnel

Apesar dos impactos negativos da greve, o e-commerce fechou maio com crescimento nominal de 10% na comparação com o mesmo período do ano passado.

“Prevíamos inicialmente 20% e fechamos o mês com metade. Nossa expectativa é que, com a normalização da atividade econômica, possamos reaver esse crescimento represado. Além da Copa, teremos o Dia dos Namorados, uma data importante para o e-commerce”, pontuou.

André Dias acredita que a normalização das entregas e a retomada das vendas deve acontecer em até dez dias. “Os varejistas contrataram mão de obra extra para realizar as entregas e vão apostar em campanhas para atrair o consumidor de volta ao comércio eletrônico”, cravou.

Correios

Nesta sexta-feira (1), os Correios informaram que deixaram de entregar cerca de 85 milhões de objetos postais durante a greve dos caminhoneiros.

Segundo a empresa, a estatal vai organizar mutirões para realizar as postagens – a situação deve ser normalizada em 15 dias. Sedex 10, 12 e Hoje, Disque Coleta e Logística Reversa Domiciliária continuam suspensos por tempo indeterminado.

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.