Projeto mantido por:

  Redação E-Commerce Brasil

E-commerce contribui para crescimento de 1,7% do setor de serviços, diz IBGE

Quinta-feira, 12 de maio de 2022   Tempo de leitura: 2 minutos

Na comparação com o mês anterior, o volume de serviços no país cresceu 1,7%, mostrou o IBGE. De acordo com Rodrigo Lobo, gerente da pesquisa, o e-commerce influenciou diretamente nesse resultado. Afinal, um dos segmentos que ditou a alta dessa atividade foi o de transportes rodoviário de cargas, ainda mais acentuado por conta da pandemia. Vale destacar que essa é a segunda alta consecutiva do indicador, assim como o maior patamar desde maio de 2015.

Imagem de uma pessoa recebendo encomenda de entregador
Na comparação com março de 2021, o setor de serviços, segundo IBGE, registrou alta de 11,4%. Por outro lado, no acumulado do ano cresceu 9,4% e, no acumulado de 12 meses, a alta foi de 13,6%.

Além disso, os serviços também estão 7,2% acima do patamar de fevereiro de 2020, ou seja, do período pré-pandemia. Na comparação com março de 2021, o setor registrou alta de 11,4%. Por outro lado, no acumulado do ano o setor cresceu 9,4% e, no acumulado de 12 meses, alta de 13,6%.

Leia também: Índice de inadimplência cresce e chega a 4,98% em abril, diz Ibevar

O setor do agronegócio também influenciou positivamente no resultado, assim como o de transporte aéreo de passageiro. “Isso ocorreu não só por conta do aumento do fluxo de passageiros, mas pela queda do preço das passagens aéreas observadas no mês de março”, explicou Lobo.

As demais atividades apresentaram que taxas de crescimento foram:

  • informação e comunicação (1,7%);
  • profissionais, administrativos e complementares (1,5%);
  • prestados às famílias (2,4%);
  • e outros serviços (1,6%).

Turismo

As atividades turísticas também cresceram em todas as bases de comparação do IBGE: 4,5%, em relação a fevereiro; 75,6%, em relação a março do ano passado; e 42,2%, no acumulado do ano.

Leia também: 59% das empresas já sofreram algum tipo de ciberataque, revela pesquisa

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER