Projeto mantido por:

  Redação E-Commerce Brasil

Tiago Baeta, fundador do E-Commerce Brasil e iMasters, entra para conselho consultivo da ESHOPPER

Sexta-feira, 18 de fevereiro de 2022   Tempo de leitura: 3 minutos

A ESHOPPER, instrumento analítico que levanta dados de usabilidade de e-commerces para alavancar o bom desempenho de suas plataformas, trouxe para compor o conselho da empresa, Tiago Baeta, fundador do E-Commerce Brasil, projeto de fomento ao e-commerce no país, CEO do Grupo iMasters, ecossistema de tecnologia destinado a desenvolvedores de software, coordenador da Escola Superior de E-Commerce e Professor da ESPM.

Diante da grande demanda por um ambiente digital mais atrativo aos consumidores, demanda essa impulsionada pela pandemia que alavancou as compras online, Baeta entra para a ESHOPPER com o objetivo de fortalecer o time de gestores da companhia, contribuindo com uma visão estratégica. “O perfil e o comportamento dos clientes estão mudando, e os e-commerces e organizações que fazem parte desse setor precisam acompanhar essas mudanças, mas de forma embasada e coordenada, dialogando sempre, formando parcerias, para que o resultado seja positivo à toda cadeia que envolve o comércio eletrônico”, explica o especialista.

De acordo com Aline Hackel, diretora geral da ESHOPPER, a chegada de Baeta ao conselho consultivo vem para potencializar os serviços já oferecidos pela companhia. “Além do todo o conhecimento que o Tiago Baeta tem a ser compartilhado com a equipe para lapidarmos ainda mais nossos processos e soluções, ele possui um know-how apurado sobre as necessidades urgentes do mercado. Juntos, teremos mais agilidade para compreender e suprir as necessidades dos consumidores, do varejo, e isso nos dará uma vantagem competitiva muito grande”, conclui a executiva.

Para o comércio eletrônico, 2021 foi mais um ano de crescimento. Nem mesmo a pandemia, os altos índices de desemprego e inflação conseguiram barrar o avanço de 48,41% do setor no ano passado em comparação com 2020, segundo dados levantados pelo Comitê de Métricas da Câmara Brasileira da Economia digital em parceria com a Neotrust e Compre & Confie. A expectativa é que os e-commerces continuem em alta agora em 2022 e impulsionem o aumento no número de empresas que oferecem soluções para otimizar a experiência dos usuários e fidelizá-los.

Leia também: NRF: E-Commerce Brasil conduz evento sobre e-commerce no Harvard Club e aponta o que devemos esperar de 2022

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER