Redação E-Commerce Brasil

Correios dizem que não garantem prazo de entrega de encomendas

Segunda-feira, 28 de maio de 2018   Tempo de leitura: 2 minutos

Os Correios informaram, nesta segunda-feira (28), que não conseguem garantir os prazos de entrega dos objetos postais por conta da greve dos caminhoneiros.

Isso se aplica, segundo a estatal, a todas as modalidades de serviço internacional, Sedex, PAC, malote, carta, FAC, impresso, mala direta, Correios Entrega Direta, Remessas Econômica/Expressa, Telegrama Nacional e Carta Nacional Via Internet.

Impacto nas postagens

Na última quinta-feira (24), a empresa já tinha declarado que 38% das encomendas não haviam sido entregues, enquanto 36% das correspondências previstas ficaram sem chegar ao seu destino.

A estatal creditou os números à impossibilidade da chegada dos caminhões dos Correios ao seu destino por conta da greve dos caminhoneiros.

No momento, apenas os serviços com dia e hora marcados (Sedex 10, Sedex 12 e Sedex Hoje) estão temporariamente suspensos.

Deixe seu comentário

17 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  1. kkkkkkkk correios é uma piada, sem a greve ja demoram para entregar as encomendas e poe a culpa na greve? E como as outras encomendas estao passando. papo furado esses correios.

    Responder
  2. Não garantem nunca, nem a entrega das mercadorias que “extraviam”, mesmo sem de caminhoneiros! Foi assim comigo, a minha encomenda “extraviou” e ponto!

    Responder
  3. Por conta da greve!? Tá de brincadeira!
    Porque alguém responsável por essa bagunça com nome de correios,não vê quantas pessoas insatisfeitas e melhora os serviços prestados??? Que são péssimos.

    Responder
  4. Eu faço diversas compras pela internet e entregar em dia ou antes do prazo sempre já foi muito dificil. Há tempos que os correios já não cumpre os prazos, sem contar nas mercadorias que somem no caminho e nunca sabem dizer o que ocorreu. Sempre foi e continua sendo uma falta de respeito com os consumidores, mas só fazem isso pq é a única empresa que presta esse serviço e nós ficamos escravos dos seus desmandos. E entregar no prazo é uma obrigação deles não devemos agradecer por isso. Não é de graça.

    Responder
  5. Absurdo isso. Comprei 04 sacas de produtos urgentes para meus clientes que foram despachados dia 11.05 juntas ee e 15 .05 já estavam em meu estado todad, dia 18.05 ( antes da greve dos caminhoneiros) recebi uma saca, seguraram 03 ate hoje, segundo o governo de PE as estradas estao liberadas e o fornecimento da gadogaso nornalizadn, então vcs inventam essa de prender aindamaain meu produto me levando ao prejuipr maior ? Vou processar !! LF

    Responder
CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER