Redação E-Commerce Brasil

90% dos lojistas acham que greve dos Correios vai afetar vendas

Sexta-feira, 21 de agosto de 2020   Tempo de leitura: 7 minutos

Nesta semana, os Correios entraram em greve em todo o Brasil. A paralisação é por tempo indeterminado em protesto contra a retirada de direitos, a privatização da empresa e a ausência de medidas para proteger os empregados da pandemia do coronavírus.

De acordo com a Loja Integrada, plataforma de criação de lojas virtuais, cerca de 86% dos lojistas utilizam os Correios como forma principal de frete, mas também utilizam transportadoras (28%) e motoboy (24%). O E-Commerce Brasil publicou um artigo sobre outros meios de envios para sua loja virtual

Pensando nessa dependência de muitos lojistas em relação aos serviços prestados pela empresa, o E-Commerce Brasil entrevistou lojistas de comércio eletrônico, de várias partes do país. Os resultados deste levantamento apurados até ontem (20/08), você acompanha a seguir.

Levantamento sobre os Correios

A primeira pergunta feita aos lojistas foi “você acredita que a greve vai afetar as vendas?” Dos 73 lojistas, 90,4% responderam que acreditam, SIM, que a greve vai afetar as vendas. E 9,6% disseram que NÃO.

gráfico de levantamento sobre os Correios

Alternativas

A segunda pergunta foi “Quais as alternativas, de entregas, você vai usar para que a greve não afete as vendas?”

66 lojistas responderam a essa pergunta e as respostas foram:

  • 47,1% responderam “Transportadoras nacionais”;
  • 17,1% responderam “Transportadoras regionais”;
  • 11,4% responderam que usariam a opção “Retirada na loja”;
  • 8,6% responderam “Entregas via Loggi”
  • 7,1% responderam “Entregas usando as lojas dos parceiros (marketplaces – Ex: Magalu, CasasBahia, etc).
  • 7,1% responderam “Entrega com transporte da própria loja”;
  • 1,4% responderam “Entregas via Uber”

gráfico de levantamento sobre os Correios

Temor da greve

Perguntados se eles têm medo de que a greve dos Correios atrapalhe o crescimento do e-commerce, 78,1% responderam que SIM. E 21,9%, disseram que NÃO.

gráfico de levantamento sobre os Correios

Dependência dos Correios

Para entender melhor o sentimento entre os lojistas, perguntamos, também, qual a porcentagem de dependência dos Correios na hora de entregar suas vendas.

As respostas eram livres e o sistema de pesquisa juntou respostas iguais. Por exemplo, o sistema fez uma porcentagem entre todos os que responderam “10%” de dependência. Porém, quem respondeu apenas “10”, sem incluir o símbolo de porcentagem, também tinha a mesma intenção, mas foi inserido em uma porcentagem onde estavam outras respostas iguais (sem o símbolo de porcentagem).

Por esse motivo, o E-Commerce Brasil decidiu somar a quantidade de respostas absolutas, que tinham a mesma intenção, sem levar em consideração a porcentagem.

Dos 73 lojistas entrevistados até ontem, 71 responderam a essa questão. Vamos às respostas:

  • 13 responderam que têm 100% de dependência dos Correios
  • 8 responderam que têm 50% de dependência
  • 7 responderam que têm 90% de dependência
  • 6 responderam que têm 80% de dependência
  • 5 responderam que têm 30% de dependência
  • 5 responderam que têm 20% de dependência
  • 4 responderam que têm 70% de dependência 
  • 4 responderam que têm 15% de dependência 
  • 3 responderam que têm 99% de dependência
  • 3 responderam que têm 40% de dependência
  • 2 responderam que têm 5% de dependência 
  • 2 responderam que têm 2% de dependência
  • 1 respondeu 98%
  • 1 respondeu 60%
  • 1 respondeu 35%
  • 1 respondeu 27%
  • 1 respondeu 25%
  • 1 disse 10%
  • 1 respondeu “menos de 5%” de dependência
  • 1 respondeu “baixa” dependência
  • 1 disse que a dependência é 0%

gráfico de levantamento sobre os Correios

Logística reversa

Perguntamos, também: “a sua logística reversa é feita como?”

83,6% responderam que é feita por meio dos Correios, 11% por transportadoras (nacionais ou regionais) e 5,5%,7 por Loja física própria.

gráfico de levantamento sobre os Correios

Ações

Perguntados sobre “Que ações você implementou, hoje, para gerenciar os riscos, junto aos clientes?”, os lojistas puderam dar respostas livres. Dos 73 entrevistados, 53 responderam.

A maior parte das resposta se concentrou nos seguintes temas:

  • Aumento do prazo
  • Transferir para outras transportadoras
  • Frete Grátis, ampliação do tempo de troca.
  • Monitoramento constante dos pedidos e comunicação com o cliente.
  • SAC e operação
  • Nenhuma
  • Expansão de atendimento com motoboys e motoristas.
  • Abertura do retira em loja em regiões de grande abrangência dos Correios
  • Mensagem automática e orientação para atendentes
  • Aguardamos as reclamações para sentir, já que nem sempre tudo é afetado.
  • E-mail marketing e pop-up explicando nossas ações perante a greve

Privatização dos Correios

Os lojistas que responderam ao levantamento foram questionados sobre a mudanças nos Correios. A pergunta era: “Você é a favor ou contra a privatização das entregas do e-commerce, via Correios? Por quê?” As respostas também eram livres.

Das 61 respostas, 40 se manifestaram a favor da privatização. E os motivos são vários: “Para que o serviço seja eficiente”,  “para tirar o monopólio da empresa”,  “para inibir contrabandos”, “atendimento precário”, “maior transparência e competitividade” e “melhorias para os funcionários e clientes” são só algumas das justificativas.

Entre os que se disseram contrários à privatização, está o temor de que, com a privatização, os serviços se tornem mais caros. Além disso, há quem acredite que a privatização não vá abranger todos os municípios da cobertura atual de entregas.

CDD

A última pergunta foi: “O CDD da sua cidade/região vai parar?”

Para esta pergunta, 55,4% responderam que NÃO. Mas 44,6% responderam que SIM.

gráfico de levantamento sobre os Correios

Por Rafael Chinaglia, da Redação do E-Commerce Brasil

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.