Redação E-Commerce Brasil

Comércio online cresce 20% nas Américas no 3º trimestre, aponta Cashback World

Terça-feira, 24 de novembro de 2020   Tempo de leitura: 3 minutos

Desde o início do ano, a economia mundial vem acompanhando as consequências da pandemia do coronavírus. No terceiro trimestre houve o início da retomada econômica, trazendo otimismo a médio prazo. Dados da Cashback World revelam que o volume de transações online na plataforma cresceu 20% no comparativo do terceiro semestre de 2020 com o segundo. O levantamento leva em consideração os dados da plataforma nos Estados Unidos, Canadá, Brasil, México e Colômbia.

Contudo, no final do terceiro trimestre começaram os indícios de uma segunda onda da doença na Europa, com o consequente estreitamento das medidas restritivas de circulação, impactando diretamente no consumo e na economia, deixando o cenário incerto novamente, segundo a Cashback World.

“O cenário tem se mostrado bastante volátil, mas é certo que o comportamento de consumo online deixou de ser esporádico e virou uma realidade irreversível. O conceito do consumo inteligente acompanhou essa movimentação e caiu no gosto da população, que agora tem o hábito de buscar por mais vantagens e benefícios, como o cashback, antes de efetuar suas compras”, destaca Roberto Freire, CEO Américas da myWorld — operadora da Cashback World no Brasil.

O que mais vendeu no online

Segundo o levantamento que compara os resultados do terceiro trimestre deste ano frente ao segundo, nas Américas, as categorias de maior destaque em volume de transação na plataforma, foram: Computadores & Softwares (130%), Eletrônicos (125%) e Roupas & Acessórios (103%). Em compensação, as categorias que apresentaram as maiores quedas foram: Equipamentos Médicos (-80%), Livros & Músicas (-69%) e Roupas & Brinquedos Infantis (-57%).

“Em comparação com o nosso último levantamento, percebemos que houve algumas mudanças no comportamento de compra nesses períodos, evidenciados pelas categorias de maior e menor procura. A única categoria que manteve um número alto de transações foi a de Computadores & Softwares, o que é natural por conta da permanência do sistema home office, que ainda vem sendo praticado por muitas empresas. Um ponto curioso é a mudança da categoria Livros & Músicas, que no segundo trimestre estava entre as de maior busca e no terceiro tri aparece entre as maiores quedas”, ressalta Freire.

O levantamento demonstra que o comércio online ainda é responsável por grande parte do volume de consumo da população. Ainda de acordo com dados da Cashback World, houve um aumento de 10% nas vendas no terceiro trimestre, acompanhada pelo aumento de novas empresas parcerias na plataforma, seguindo a tendência de digitalização dos negócios e passando a buscar novas formas e plataformas que possam ajudá-los a oferecer mais valor e se diferenciarem no digital.

Leia também: Open delivery: restaurantes querem melhorar competição entre apps de entrega

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER