Redação E-Commerce Brasil

Comércio eletrônico mundial tem aumento de 81% nas vendas em maio, revela pesquisa

Segunda-feira, 08 de junho de 2020   Tempo de leitura: 4 minutos

O Brasil e vários outros países ainda vivem restrições forçadas, para reduzir a disseminação da Covid-19. O momento de permanecer em casa foi propício para que o comércio eletrônico tivesse crescimento em todo o planeta. Em maio, não foi diferente. Alguns setores registraram um crescimento de três dígitos na comparação anual, de acordo com uma análise da ACI Worldwide. Segundo o levantamento, o crescimento geral das transações de varejo foi de 81% em maio, em comparação com o mesmo período do ano passado.

A alta foi impulsionada principalmente por roupas esportivas e artigos esportivos (216%), varejo específico para utilidades domésticas e materiais de bricolagem (190%) e jogos (84%).

O relaxamento de algumas restrições de bloqueio, em alguns países, foram refletidos nas tendências nas categorias de varejo; Roupas de bricolage e roupas esportivas se recuperam, enquanto o crescimento no escritório doméstico e nos suprimentos eletrônicos diminuiu.

Comércio eletrônico mundial

A pesquisa da ACI mostra que o aumento no volume de transações de comércio eletrônico reflete mais um mês inteiro de amplas restrições relacionadas ao COVID-19, com os consumidores optando por canais on-line e ações de compra digital com coleta em lojas físicas.

No entanto, o levantamento aponta que o alívio das restrições de bloqueio em muitos países se reflete em certos setores que até agora experimentaram o maior impulso. As compras de jogos aumentaram 126% em relação ao ano anterior em abril, contra 84% em maio, enquanto os eletrônicos aumentaram apenas 32% no mês passado, depois de terem aumentado mais de 55% em abril.

Os setores mais impactados negativamente apresentaram uma leve recuperação em maio; as viagens caíram 91% em abril, enquanto em maio melhoraram ligeiramente para 73%, abaixo do mesmo período do ano passado.

“Enquanto muitas das tendências no comportamento de compra de comércio eletrônico que surgiram em março e abril continuaram, estamos começando a ver o impacto que o relaxamento gradual das restrições está causando na atividade de varejo”, disse Debbie Guerra, vice-presidente executiva da ACI Worldwide.

imagem de um laptop aberto em uma loja na internet

Conclusões do estudo

O estudo chegou à algumas conclusões, quando falamos em tendências de comércio eletrônico no atual cenário mundial. Houve aumento de 23% no volume transacional do comércio eletrônico em maio de 2020, comparado a maio de 2019 (um pouco abaixo do aumento de 23,5% em abril).

Os setores que apresentaram crescimento significativo em maio (comparado a maio de 2019) incluíram:

  • jogos: + 84% (+ 126% em abril),
  • varejo geral: + 190,2% (+ 209% em abril),
  • jóias: + 190,8% (+136,9 % em abril),
  • roupas esportivas: + 216,3% (+ 114% em abril)
  • eletrônicos: + 32,2% (+ 55,5% em abril)

Os itens de escritório em casa (incluindo monitores, fones de ouvido, webcams e dispositivos de conectividade à Internet) representaram 10% de todas as compras de eletrônicos em maio, ante uma alta de 15% em março e 14% em abril.

Leia também: Os impactos da Covid-19 noe-commerce

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.