Projeto mantido por:

  Redação E-Commerce Brasil

Com a pandemia, 75% dos lojistas passaram a estudar o mercado digital, mostra pesquisa

Quinta-feira, 20 de janeiro de 2022   Tempo de leitura: 3 minutos

O que a sua empresa faz para continuar relevante? Com o começo do ano, muitas companhias reveem suas estratégias. Pensando no começo de 2022, a Web Continental conduziu uma pesquisa em parceria com o E-Commerce Brasil sobre a programação dos lojistas para este ano.

Diante da pandemia, 75% dos lojistas afirmaram que se dedicaram ao conhecimento do mundo digital e das vendas online.

Podendo assinalar mais de uma alternativa, 37% buscaram uma consultoria ou agência para fortalecer seu desenvolvimento.

Além disso, 31% entraram em algum marketplace. Também na faixa dos 31% estão aqueles que abriram um e-commerce durante o período.

Por fim, 6% optaram por recuar e esperaram uma recuperação do mercado.

Dificuldades durante a pandemia

Já com relação às situações enfrentadas pelos lojistas, 62% explicaram que precisaram entender como funcionam os canais e processos de venda antes de começar a operar online.

Na faixa dos 31%, duas respostas: 1) dificuldade em apurar precisamente os custos, receitas e lucratividade do negócio e; 2) precisaram reduzir os custos para continuar no mercado.

Logística

81% dos respondentes afirmaram que a logística é fundamental para o sucesso do processo de entrega como um todo . Para 18%, ela é importante, uma vez que os clientes estão mais exigentes.

Pós-pandemia

Expandir a presença online parece ser um consenso entre os lojistas: esta foi a resposta de 87% deles quando perguntados sobre as atitudes pós-pandemia.

Além disso, 31% pretendem permanecer nos canais digitais em conjunto com a loja física.

Apenas 6% vão permanecer no digital sem abrir a loja física.

Estratégias para 2022

Podendo responder mais de uma alternativa, os lojistas contaram também quais as estratégias que pretendem aplicar em 2022:

  • 68% – adotar novas tecnologias para facilitar a operação do negócio;
  • 68% – agregar mais produtos ao catálogo;
  • 68% – cadastro em novos canais de vendas;
  • 62% – adicionar e trabalhar com novos produtos;
  • 62% – investir em SEO e formas de mídia paga;
  • 62% – vender nas redes sociais;
  • 37% – aumentar a equipe;
  • 6% – investir em ramos de exportação.

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER