Acesso rápido
  Redação E-Commerce Brasil

Centauro faz nova proposta pela Netshoes e aumenta oferta para R$ 440 milhões

Quarta-feira, 12 de junho de 2019   Tempo de leitura: 3 minutos

Em comunidade divulgado na noite de terça-feira (11), a Centauro anunciou nova proposta para comprar a Netshoes, frente à última oferta da concorrente Magazine Luiza. A varejista ofereceu US$ 3,70, totalizando US$ 114,9 milhões (cerca de R$ 440 milhões) a oferta anterior era de US$ 3,50 por ação, equivalente a US$ 108,7 milhões.

Além da nova oferta, o grupo SBF, dona da Centauro, informou uma injeção de caixa de R$ 120 milhões, caso a proposta seja aceita. No final de maio, o Magazine Luiza havia coberto a oferta anterior e subido a proposta para US$ 3 cada ação.

Disputa acirrada

Esse é mais um capítulo da disputa do Magazine Luiza e da Centauro pelo controle da Netshoes. Na sexta-feira (14), os acionistas da Netshoes deve decidir com qual empresa fecharão negócio.

Em comunicado aos investidores da Netshoes, a empresa afirma que a proposta da Centauro “não oferece garantias suficientes em relação à condição financeira da companhia ou abordagem adequada sobre as preocupações de liquidez a longo prazo”.

A empresa elencou quatro argumentos pelos quais considera vantajoso fechar negócio com o Magazine Luiza:

  • Alta probabilidade de completar a aquisição em um curto e previsível período;
  • A aprovação conferida pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) no dia 22 de maio de 2019 para o negócio entre Netshoes e Magazine Luiza seja concluído, o que significa que, se aprovado pelos acionistas, a aquisição estaria finalizada em cinco dias úteis;
  • Qualquer potencial transação com a Centauro implicaria uma nova reunião entre acionistas, além de uma nova avaliação por parte do Cade. Segundo a Netshoes, esse cenário poderia ser seguido de um procedimento extenso, “levando a atraso e incerteza”, segundo o documento;
  • Os desafios financeiros do fluxo de caixa da Netshoes constituem uma preocupação significativa em relação à proposta da Centauro, visto que os prazos seriam de dois a quatro meses maiores do que a proposta do Magazine Luiza e não existem garantias suficientes de liquidez nesse período.

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.