Redação E-Commerce Brasil

Consumidores vão procurar promoções, cashback e vantagens na Black Friday

Terça-feira, 19 de novembro de 2019   Tempo de leitura: 3 minutos

Considerada uma das datas mais esperadas do calendário varejista, a Black Friday, que acontece no próximo dia 29, deve movimentar cerca de R$3,07 bilhões somente no comércio eletrônico, de acordo com Ebit|Nielsen. A empresa projeta um crescimento de 18% com relação à edição do ano passado.

Consumidores na Black Friday

Uma pesquisa realizada pelo Méliuz, empresa líder em cashback no Brasil, revela que 79% dos consumidores garantem que vão aproveitar as liquidações da Black Friday.

Fonte: Méliuz

Compras com cashback

Cashback aparece como o segundo fator de atração para os consumidores brasileiros para comprar na Black Friday. Está atrás apenas das promoções pelo menor preço, que atrai a grande maioria das pessoas.

Fonte: Méliuz

Para as lojas omnichannel, o que mais atrai os consumidores são as vantagens especiais.

Fonte: Méliuz

Quem não compra na Black Friday?

18,2% dos consumidores responderam que não vão realizar compras nesta Black Friday. O principal motivo é por não acreditarem que de fato a data ofereça promoções. Além disso, falta de dinheiro e achar que não compensa realizar as compras na data também são motivos de relevância.

Fonte: Méliuz

Mas o que realmente chama atenção são os consumidores que não comprarão por questões que podem ser resolvidas pelas lojas. Entre elas, destaca-se receio com o atendimento, incomodo com filas e com a instabilidade dos sites de e-commerce.

Onde compram?

Dos que pretendem de fato realizar compras durante a Black Friday, 65,5% comprarão em lojas online. 31,1% vão recorrer às lojas físicas, mas existem ainda os que pretendem comprar nos dois tipos de loja: 31,4%.

Além disso, o dispositivo preferido para a compra continua sendo o desktop, mas muito usuários fazem as pesquisas pelo smatphone antes de se decidirem. 43% preferem procurar e comprar pelo computador; 27,2% procuram e compram pelo celular; 21,4% procuram pelo celular e compram pelo desktop; e 8,2% fazem o contrário.

Outro destaque são os meios que os consumidores escolhem para procurar as promoções. O ambiente digital continua sendo o principal para quem deseja aproveitar a data. Muitos vão procurar nos próprios sites onde desejam realizar a compra, ou em buscadores online e até mesmo em comparadores de preço.

Fonte: Méliuz

Para quem vai às compras no ambiente físico, shoppings centers, supermercados e outros estabelecimentos correspondem a 3,5% da procura, enquanto anúncios na televisão influenciam 1,4% dos consumidores.

Quem não quer comprar online?

O número de consumidores que preferem aproveitar as promoções no e-commerce ainda super a procura pela loja física na Black Friday, mas não são todos os consumidores que se sentem à vontade para comprar no ambiente digital. O principal fator é o preço do frete.

Fonte: Méliuz

Quando compram?

A pesquisa aponta ainda que nem todos os consumidores pretendem madrugar para aproveitar as promoções. 45, 2% procuram por elas durante todo o mês de novembro e 19,5% aproveitam a madrugada de quinta para sexta para as principais ofertas.

Fonte: Méliuz

Top 20 mais procurados online

Top 20 mais procurados no varejo físico

 

 

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.