Acesso rápido
  Redação E-Commerce Brasil

Black Friday deve alcançar R$ 2,2 bi em 2017 e beneficiar lojas com clientes fiéis

Terça-feira, 22 de agosto de 2017   Tempo de leitura: 3 minutos

* Caio Colagrande para Redação E-Commerce Brasil

A Black Friday de 2017 promete crescer outra vez, principalmente, para os e-commerces que conseguirem reter o cliente fiel. Segundo a pesquisa “Thanks God it’s Black Friday”, realizado pelo Google e divulgado nesta terça-feira (22), 77% dos consumidores entrevistados disseram comprar nos mesmos sites, sendo que 34% fizeram quase todas as suas aquisições na mesma loja virtual.

O levantamento indica também que, neste ano, o evento deve apresentar resultado entre 15% a 20% maior em relação a 2016 e alcançar R$ 2,2 bilhôes de faturamento.

“A Black Friday já está no senso comum do consumidor brasileiro. Não existe mais aquele negócio de ‘Black Fraude’ que existia em 2013”, afirmou José Melchert, head de Indústria de Varejo do Google.

Segundo ele, a data se consolidou entre os consumidores, que passaram a esperar a Black Friday chegar para fazer suas compras. Prova disso são as pesquisas feitos na própria plataforma do Google. “O pico das buscas no Google Brasil é a BlackFriday. Não é o Neymar, não é o último clipe da Anitta, não é a Lava Jato. É a Black Friday”, cravou.

O trabalho feito pelos lojistas para transformar a data em um evento confiável se traduziu na percepção dos internautas sobre a data.

No ano passado, 55% das hashtags utilizadas pelos clientes  foram positivas – frases como #descontodeverdade, #taemconta e #eupagueimenos. Outras 37% foram neutras e apenas 8% tiveram repercussão negativa (como a famosa #blackfraude).” As pessoas estão vendo que as marcas trabalham as promoções e os preços de maneira mais consistente”, comemorou Carolina Rocha, gerente de Insigths do Google.

Pequenos em alta

Apesar do cliente fiel ser o perfil mais recorrente nas compras online, os pequenos e-commerces têm tido um resultado mais positivo do que grandes marcas, que também cresceram, mas em ritmo menor.

De acordo com a pesquisa, PMEs registraram aumento de 161% na sexta-feira, os mais famosos alcançaram 134%. Considerando apenas a quinta-feira anterior à Black Friday, as pequenas empresas foram as únicas que mantiveram os três dígitos.

Isso se torna ainda mais importante quando 370 mil pessoas devem entrar no mercado e comprar pela primeira vez na data em 2017, ou seja, 10% de todos os novos e-shoppers no ano.

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.