Acesso rápido
  Redação E-Commerce Brasil

Amazon registra mais marcas próprias de moda e alimenta especulações

Terça-feira, 18 de setembro de 2018   Tempo de leitura: 2 minutos

A Amazon entrou, nas últimas semanas, com pedidos de registro de uma série de marcas de moda a autoridades dos Estados Unidos.

A atitude levantou suspeitas de que a gigante do e-commerce esteja focando esforços no desenvolvimento de mais marcas de vestuário, parte das suas apostas para se tornar um destino mais atrativo de compras do setor.

Nas últimas semanas, a Amazon entregou registrou oito linhas de moda, incluindo algumas focadas em crianças e roupas de frio.

São elas League of Outstanding Kids, Common District, Outerwear Index Co., Zanie Kids, Afterthought, Due East Apparel, Truity, Night Swim.

A companhia, que desenvolveu suas próprias marcas nos últimos anos, já tem dezenas de marcas ativas em todas as categorias, incluindo calçados.

Os resultados parecem estar dando certo: um relatório da Coresight Research, do início de 2018, mostra que a Amazon empatou com a Target como o segundo varejista de moda mais procurado por consumidores, atrás apenas do Walmart. E o impacto já está chegando a lojas de departamento tradicionais nos EUA.

Os dois maiores concorrentes da americana, por sua vez, também estão investindo pesado no setor. Em fevereiro, por exemplo, o Walmart revelou várias marcas de baixo custo para dar os seus primeiros passos no negócio de vestuário.

A Amazon não quis se pronunciar sobre os registros.

Fonte: Bloomberg

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.