Redação E-Commerce Brasil

AliExpress Russia analisa IPO após divulgar US$ 3 bilhões em volume de transações

Quinta-feira, 08 de abril de 2021   Tempo de leitura: 3 minutos

A varejista online AliExpress Russia disse na quarta-feira (7) que uma oferta pública inicial (IPO em inglês) era uma medida possível para a empresa, que relatou um volume bruto de mercadorias (GMV) de US$ 3 bilhões para o ano fiscal de 2020-21.

Uma joint venture lançada em 2019 com a Alibaba da China e parceiros russos, o AliExpress Russia opera vendas domésticas e internacionais. A empresa disse que tem 29,1 milhões de usuários ativos por mês em seu marketplace.

O AliExpress Russia não fez uma comparação para o GMV total, que ficou em 229,3 bilhões de rublos (US$ 2,96 bilhões) no ano até 31 de março. O GMV para seus negócios domésticos cresceu 151% ano a ano para 54,9 bilhões de rublos, disse a empresa.

A pandemia de Covid-19 impulsionou o setor de comércio eletrônico da Russia, pois as restrições de saúde mantinham os consumidores em casa, mas o AliExpress Russia, que depende de transações internacionais para mais de três quartos de seus negócios, demorou mais para ver o benefício como oferta correntes ajustadas às novas restrições de viagem.

A empresa disse que um IPO é um passo possível, mas que tal decisão caberia a seus acionistas.

“Não há planos específicos para as datas — pode ser no próximo ano ou depois”, disse o AliExpress Russia.

Crescimento do AliExpress na Rússia

O CEO Dmitry Sergeev disse que os negócios internacionais da empresa cresceram em linha com o mercado total de e-commerce da Russia, que analistas da firma de pesquisa de mercado Euromonitor estimam em quase 40% em 2020, e que seus negócios domésticos estão crescendo à frente do mercado.

O líder russo de comércio eletrônico Wildberries relatou GMV para o ano inteiro em 2020 de 437,2 bilhões de rublos, um aumento de 96% ano a ano. O varejista online Ozon, que realizou uma oferta pública inicial (IPO) bem-sucedida no ano passado, relatou um crescimento de 144% do GMV em 2020 em 197,4 bilhões de rublos.

O AliExpress Russia disse que o GMV de 2020, sem incluir os serviços, foi de 209,6 bilhões de rublos, sem fornecer uma comparação de crescimento.

A empresa disse que está mantendo uma meta de faturamento anual de US$ 10 bilhões até 2023, um número divulgado pela primeira vez em uma entrevista que Sergeev deu à Reuters em julho passado.

($ 1 = 77.5000 rublos)

Leia também: Pandemia acelera e-commerce na Rússia e coloca áreas remotas no mapa online

Fonte: Reuters

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.